A Palavra dos Leitores | 30-05-2012 13:07

Estudantes com menos vícios por falta de dinheiro

Desejo que estes cortes nas mesadas de alguns jovens do concelho de Vila Franca de Xira motivem uma auto-reflexão por parte dos próprios e que essa conduza os mesmos ao estabelecimento de prioridades. Se estas prioridades puderem ser definidas reduzindo ou evitando o álcool e o tabaco tanto melhor. Apesar de cada um ser dono de si próprio, a diversão não é, nem nunca foi, sinónimo de consumo de álcool e tabaco. Existem, no meu entender, outras formas de diversão que, porventura, evitariam muitos dos incidentes que, infelizmente, registamos com a população jovem. A ver vamos se os sinais da crise também conseguem contrariar esta tendência - o consumo de álcool e tabaco - a que, cada vez mais cedo, os jovens portugueses recorrem. Oxalá que sim!Edgar Correia

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1368
    12-09-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1368
    12-09-2018
    Capa Médio Tejo