A Palavra dos Leitores | 29-11-2015 03:31

Fala-se muito do Tejo mas pouco se faz

Periodicamente aparece um grupo de pessoas a organizar este tipo de congressos em defesa do Tejo. Não quero denegrir o que de positivo pode ser dito neles mas porque é que nos mesmos não se costuma abordar a questão da poluição? O ponto principal ou único deste congresso era a navegabilidade do Rio Tejo, salientando o seu potencial. Eu não sabia que a navegabilidade já é mais importante que o grave problema da poluição. Estive a ler as conclusões e a palavra poluição foi utilizada uma vez. Quanto ao facto de os intervenientes dizerem que o projecto de navegabilidade até à fronteira com Espanha é exequível nos próximos vinte ou quarenta anos, lembro que isso é na teoria pois o país não tem possibilidades financeiras, nem agora nem nos próximos anos. Não fui convidado mas se o tivesse sido teria muitas coisas que não foram ditas mas compreendo que pessoas com os meus argumentos não lhes interessam. Eu só iria atrapalhar os senhores congressistas. Mattos Sébastien : http://semanal.omirante.pt/index.asp?idEdicao=732&idSeccao=13321&id=113326&Action=noticia&title=Coment%C3%A1rios#.Vlm-BPnNzIU

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1356
    20-06-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1356
    20-06-2018
    Capa Médio Tejo