Arquivo | 11-03-2006 10:09

Câmara de Santarém corta nos telefones

As restrições impostas pelo actual executivo da Câmara de Santarém na distribuição e uso de telemóveis a funcionários da autarquia permitiram reduzir o consumo de comunicações em cerca de 2 mil euros mensais.A informação foi dada pelo vice-presidente da Câmara de Santarém, Ramiro Matos (PSD), durante a reunião do executivo de 8 de Março. Questionado pelo vereador José Marcelino (CDU) sobre as medidas de contenção já implementadas, Ramiro Matos revelou ainda que as limitações no acesso a chamadas para o exterior a partir de telefones fixos permitiram uma redução na factura mensal da ordem dos 2 mil euros.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1368
    12-09-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1368
    12-09-2018
    Capa Médio Tejo