Arquivo | 10-05-2006 08:52

Empresa municipal de Almeirim dá prejuízo

A empresa municipal que gere os espaços desportivos da cidade teve um prejuízo de 140 mil euros em 2005. Montante que a autarquia teve que transferir para a Aldesp, segundo consta do relatório de prestação de contas do município. Para além deste valor, no ano passado a câmara municipal pagou também os valores referentes à frequência das piscinas por pessoas carenciadas, escolas e deficientes. Ao todo a autarquia transferiu a título de subsídio uma verba total de 13.598,50 euros ao logo de 2005. Perante os montantes em causa a bancada do PSD na assembleia municipal não hesitou em falar de má gestão. O deputado João Lopes referiu na última sessão não pretender que a Aldesp dê lucro, “mas sim que não tenha prejuízo”. O presidente da câmara, José Sousa Gomes (PS), justificou a situação com as elevadas despesas do complexo de piscinas face aos preços cobrados aos utilizadores, que são acessíveis. “Não está a sugerir aumentar os preços para o dobro?”, questionou o autarca.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1368
    12-09-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1368
    12-09-2018
    Capa Médio Tejo