Arquivo | 13-01-2013 00:22

GNR garante colocação de todos os militares no novo estatuto remuneratório - ANAG

A Associação Nacional de Guardas (ANAG-GNR) recebeu do Comandante Geral da GNR a garantia de colocação de todos os militares no novo estatuto remuneratório, anunciou aquela estrutura num comunicado hoje divulgado.Na nota, a ANAG refere que teve uma reunião, na sexta-feira, com o Tenente-General Comandante Geral da GNR, Luís Newton Parreira, onde “ficaram garantidas soluções para alguns dos principais problemas que lesam os militares nos seus direitos, condições de trabalho, progressão de carreira e salarial”.“Entre elas a garantia da colocação e reposição de todos os militares no novo estatuto remuneratório de 2010”, adianta o comunicado.A ANAG considera que, “embora não se tenha registado consenso em algumas matérias”, a reunião foi “globalmente produtiva para a melhoria da vida profissional e pessoal de todos os militares”.Na reunião ficou ainda “garantido que o aumento do Subsídio de Fardamento será de 300 euros/ano e que será pago no final deste mês de Janeiro”, e também, “a partir de Janeiro, o aumento de 2% do Suplemento Serviço Forças de Segurança, que passa assim para os 20 %”.O Comandante-Geral da GNR assegurou ainda à ANAG “que todos os militares que até 31 de Dezembro de 2012 reunissem as condições exigidas para passar à situação de reserva, o podem concretizar em 2013”, bem como que “aos militares que até 31 de Dezembro de 2005, tivessem mais de 20 anos de serviço, será efectuado o mesmo cálculo de reforma até à data”.Na reunião de sexta-feira, Luís Newton Parreira “comprometeu-se a resolver a situação” relativamente “à reclamação da ANAG sobre decisões do Comando Operacional da GNR contraditórias às informações do Ministério da Administração Interna, referentes ao pagamento dos serviços remunerados pela tutela em várias provas desportivas, que anteriormente eram pagas pela entidade requerente no dia do evento”.O Comandante-Geral da GNR “prometeu” ainda à ANAG “que durante o ano em curso serão entregues novas viaturas, tendo em conta os comandos territoriais e postos que apresentem maiores necessidades operacionais”.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1372
    10-10-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1372
    10-10-2018
    Capa Médio Tejo