Arquivo | 20-01-2013 09:32

Detido suspeito de agressão e tentativa de roubo a idosa de Vila Nova de Foz Côa

A GNR anunciou ontem a detenção, em Vila Nova de Foz Côa, de um homem de 33 anos, por suspeita de agressão e de tentativa de roubo a uma mulher de 84 anos.Fonte do Comando Territorial da GNR da Guarda disse à agência Lusa que o homem foi detido após ter entrado na habitação da idosa, na aldeia de Cedovim (Vila Nova de Foz Côa), com o intuito de lhe furtar ouro e dinheiro."Como a idosa não lhe indicou os locais onde tinha os bens, acabou por ser espancada pelo suspeito, que lhe provocou vários hematomas na face, tendo necessidade de receber tratamento hospitalar no centro de saúde de Vila Nova de Foz Côa", contou.Durante a agressão, que ocorreu na sexta-feira, a idosa que se encontrava sozinha em casa, gritou por ajuda, uma vizinha acudiu-lhe e o homem “colocou-se em fuga", disse a fonte.O caso foi participado à GNR, tendo elementos do posto de Vila Nova de Foz Côa e do Núcleo de Investigação Criminal de Pinhel detido o suspeito, que também reside na aldeia de Cedovim e já tem antecedentes criminais por fogo posto.Durante a realização de uma busca domiciliária à residência do detido, a GNR apreendeu uma arma ilegal e dezenas de munições que pertenciam a um irmão do alegado agressor, que também acabou detido.Os dois homens “são suspeitos da prática de vários furtos nos concelhos de Vila Nova de Foz Côa, Pinhel, Trancoso e Meda", disse a fonte policial.O suspeito da agressão à idosa foi presente no sábado ao juiz do tribunal de turno da Guarda que o mandou em liberdade, mas ficou sujeito a apresentações semanais no posto da GNR da sua área de residência.O outro homem, de 35 anos, foi notificado para comparecer na segunda-feira no tribunal de Vila Nova de Foz Côa, indicou a GNR.Detido suspeito de agressão e tentativa de roubo a idosa de Vila Nova de Foz CôaA GNR anunciou ontem a detenção, em Vila Nova de Foz Côa, de um homem de 33 anos, por suspeita de agressão e de tentativa de roubo a uma mulher de 84 anos.Fonte do Comando Territorial da GNR da Guarda disse à agência Lusa que o homem foi detido após ter entrado na habitação da idosa, na aldeia de Cedovim (Vila Nova de Foz Côa), com o intuito de lhe furtar ouro e dinheiro."Como a idosa não lhe indicou os locais onde tinha os bens, acabou por ser espancada pelo suspeito, que lhe provocou vários hematomas na face, tendo necessidade de receber tratamento hospitalar no centro de saúde de Vila Nova de Foz Côa", contou.Durante a agressão, que ocorreu na sexta-feira, a idosa que se encontrava sozinha em casa, gritou por ajuda, uma vizinha acudiu-lhe e o homem “colocou-se em fuga", disse a fonte.O caso foi participado à GNR, tendo elementos do posto de Vila Nova de Foz Côa e do Núcleo de Investigação Criminal de Pinhel detido o suspeito, que também reside na aldeia de Cedovim e já tem antecedentes criminais por fogo posto.Durante a realização de uma busca domiciliária à residência do detido, a GNR apreendeu uma arma ilegal e dezenas de munições que pertenciam a um irmão do alegado agressor, que também acabou detido.Os dois homens “são suspeitos da prática de vários furtos nos concelhos de Vila Nova de Foz Côa, Pinhel, Trancoso e Meda", disse a fonte policial.O suspeito da agressão à idosa foi presente no sábado ao juiz do tribunal de turno da Guarda que o mandou em liberdade, mas ficou sujeito a apresentações semanais no posto da GNR da sua área de residência.O outro homem, de 35 anos, foi notificado para comparecer na segunda-feira no tribunal de Vila Nova de Foz Côa, indicou a GNR.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Médio Tejo