Arquivo | 27-01-2013 20:11

Sobe para 245 número de mortos em discoteca brasileira

A presidente do Brasil, Dilma Rousseff, cancelou hoje os seus compromissos na cimeira América Latina/União Europeia para regressar ao Brasil, onde um incêndio numa discoteca causou pelo menos 245 mortos, segundo o mais recente balanço das autoridades."Há 245 mortos e 48 pessoas no hospital" disse o major Cleberson Bastianello, do batalhão de operações especiais da cidade de Santa Maria.A Presidente do Brasil, Dilma Rousseff, que deverá chegar hoje à tarde, vinda de Santiago do Chile, à cidade universitária de Santa Maria, Rio Grande do Sul, dirigiu à população da zona da catástrofe uma mensagem de apoio."Gostaria de dizer à população de Santa Maria que neste momento de tristeza estou com eles", disse Dilma Roussef aos jornalistas.Segundo testemunhos, o incêndio começou cerca das 02:00 locais (04:00 em Lisboa) na discoteca Kiss, no centro de Santa Maria, e ficou controlado apenas cerca das 07:00 horas locais.O incêndio terá começado durante um concerto, quando o vocalista da banda disparou um foguete de sinalização para o tecto da discoteca, explicou o coordenador da Defesa Civil brasileira, Adelar Vargas, citado pelo jornal Folha de São Paulo, versão corroborada por várias testemunhas.A discoteca tinha capacidade para 2 mil pessoas, era frequentada sobretudo por adolescentes e, segundo as autoridades, tinha o alvará caducado desde Agosto.A lista de vítimas ainda não foi divulgada.Os corpos das vítimas mortais do incêndio têm estado a ser transportados de camiões da Brigada Militar para o ginásio do Centro Desportivo Municipal e há dezenas de pessoas a serem atendidas nos hospitais da região.No local, havia apenas uma saída de emergência, e os bombeiros tiveram que abrir um buraco na parede para facilitar o acesso e a retirada das pessoas do local.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Médio Tejo