Cavaleiro Andante | 16-10-2013 17:02

Fazer disparar o alarme

Fazer disparar o alarme
O ex-presidente da Câmara da Azambuja, Joaquim Ramos, disse descontraidamente a O MIRANTE que depois de tanta operação ao coração tem mais plástico no corpo do que matéria orgânica. A sorte dele é ser plástico e não metal senão um dia destes ainda era detido no controle de qualquer aeroporto quando as máquinas começassem todas a apitar.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1359
    11-07-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1359
    11-07-2018
    Capa Médio Tejo