Cultura | 10-04-2018 14:11

Médio Tejo acolhe "Caminhos" a partir de dia 13

Médio Tejo acolhe "Caminhos" a partir de dia 13
Foto DR

O programa cultural Caminhos acontece no Médio Tejo com teatro de rua, novo circo, música e percursos artísticos.

O programa cultural Caminhos, que acontece no Médio Tejo, arranca na próxima sexta-feira com teatro de rua, novo circo, música e percursos artísticos em vários espaços dos seis concelhos que acolhem a primeira das três etapas anuais da iniciativa.

Dedicada aos Caminhos do Ferro, a programação de Abril decorre em dois fins de semana, de 13 a 15 e de 20 a 22, levando a Abrantes, Constância, Entroncamento, Mação, Tomar e Vila Nova da Barquinha (distrito de Santarém) a música de Teresa Salgueiro, dos Gaiteiros de Lisboa, de Pedro Jóia, de Helder Moutinho, de Bruno Pernadas e de Castello Branco (música popular brasileira), afirma uma nota da Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo (CIMT).

Promovida pela CIMT, esta iniciativa cultural em rede iniciou-se em 2017, marcando três momentos do ano, a primavera, com temáticas associadas às linhas férreas (Caminhos do Ferro), o verão, com os leitos dos rios a servirem de tema para os Caminhos da Água, e o outono, dedicado aos Caminhos da Pedra (estradas), levando espectáculos de música, teatro, dança, circo contemporâneo e percursos artísticos em itinerância por vários concelhos, na sua maioria do distrito de Santarém.

Os eventos decorrem em vários espaços, ligando os espectáculos ao património e ao turismo, para criar “percursos culturais no território”, que na primeira edição, em 2017, envolveram “milhares de pessoas”, entre visitantes e elementos da comunidade, em particular escolas e associações, em 160 acções culturais, segundo dados da CIMT.

No próximo fim de semana o programa arranca sexta-feira de manhã com “Dragonologia”, teatro de rua, em Vila Nova da Barquinha, na escola D. Maria II, espectáculo que repete ao final da tarde na rua Luís Falcão, no Entroncamento, cidade onde, às 22:30, Hélder Moutinho actua no Centro Cultural.

À tarde, quem quiser pode acompanhar o percurso artístico de Ana Bento no Largo dos Combatentes, em Mação, ou o que é conduzido por Lara Soares no exterior do Centro Cultural de Vila Nova da Barquinha, onde à noite será apresentado o espectáculo de novo circo “Irakurriz”, por Shakti Olaizola.

No sábado será o centro histórico de Abrantes a assistir a “Dragonologia”, repetindo-se, à tarde, os percursos artísticos de Lara Soares e Ana Bento, estando marcado para a noite o espectáculo de novo circo “Ekilibuá”, por Maintomano, na praça Salgueiro Maia, no Entroncamento, e as actuações de Daniel Pereira Cristo, no auditório do Centro Cultural de Mação, e de Pedro Jóia, na igreja de Atalaia, em Vila Nova da Barquinha.

No domingo, o grupo Sopa de Pedra actua na igreja matriz de Tancos, em Vila Nova da Barquinha, ao fim da tarde, estando marcado para a noite o concerto com Teresa Salgueiro, na praça Raimundo Soares, em Abrantes.

O programa tem um financiamento comunitário global da ordem dos 750.000 euros para três anos, sendo a componente nacional assumida pelos municípios onde decorrem os eventos.

A CIMT integra os concelhos de Abrantes, Alcanena, Constância, Entroncamento, Ferreira do Zêzere, Mação, Ourém, Sardoal, Tomar, Torres Novas e Vila Nova da Barquinha, do distrito de Santarém, e Sertã e Vila de Rei, do distrito de Castelo Branco.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Médio Tejo