Desporto | 15-11-2015 14:44

Ténis de mesa regressou à cidade do desporto

Ténis de mesa regressou à cidade do desporto

Clube de Ténis de Mesa de Rio Maior já tem trinta praticantes.

O ténis de mesa, modalidade com tradição em Rio Maior, está de regresso à cidade através de um novo clube, o Clube de Ténis de Mesa de Rio Maior, criado em Maio deste ano mas cujos treinos apenas começaram em Setembro, realizando-se no Pavilhão Multiusos às terças e quintas-feiras, das 18h30 às 20h30 para os jovens e das 21h00 às 23h00 para adultos."Propus a uns amigos que começássemos a fazer treinos regulares e foi assim que nasceu o clube. Começou a aparecer gente, nomeadamente o João Frazão, que é o nosso presidente e que é bastante entusiasta. Não fazia muito sentido, na cidade do desporto, não haver ténis de mesa", conta Paulo Santos, vice-presidente.Em cerca de dois meses, o clube já tem à volta de 30 atletas. Um dos factores que traz gente é o facto de ser um desporto barato. "É importantíssimo. Com a crise é cada vez mais difícil as famílias manterem os filhos a praticar desporto. Aqui só é preciso uma raquete, umas sapatilhas e uns calções. O polo é o clube que oferece". A inscrição custa 15 euros e a mensalidade 3 euros, valor que o vice-presidente considera irrisório. "Optámos por uma mensalidade bastante acessível, não só para cativar, mas também porque percebemos a dificuldade das famílias", explica.O clube disponibiliza aos praticantes 6 mesas, três emprestadas pela empresa municipal Desmor e três compradas com o dinheiro dos patrocinadores. Por enquanto, ainda só se treina e procura-se conjugar a seriedade com o divertimento: "Vamos mantendo alguma agradabilidade para eles não se sentirem cansados no sentido do monótono. Colocá-los meia hora a fazer sempre o mesmo movimento ainda é cedo. É preciso deixá-los evoluir e, depois, eles próprios vão querer passar, por exemplo, uma hora a fazer serviços".NOTÍCIA DESENVOLVIDA NA EDIÇÃO SEMANAL EM PAPEL

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Médio Tejo