Economia | 04-05-2009 16:29

Administração da Platex apresenta proposta aos trabalhadores terça-feira

Os trabalhadores da Indústria de Fibras de Madeira (IFM), em Tomar, decidiram hoje, em plenário, marcar nova reunião para terça-feira, dia em que esperam a apresentação de uma proposta por parte da administração.António Basílio, funcionário da empresa há 25 anos, assinou hoje novo documento para ficar mais uma semana em casa sem trabalho, situação que se prolonga desde o início de Abril, altura em que empresa parou a produção por "incapacidade financeira" para manter a laboração.Segundo disse, no plenário realizado hoje os trabalhadores decidiram esperar pela proposta que a administração da IFM (vulgarmente conhecida por Platex) lhes irá apresentar terça-feira, para tomarem alguma posição.António Basílio adiantou que os 240 trabalhadores da empresa apenas têm o salário de Abril em atraso, uma vez que o de Março foi saldado em três tranches ao longo do mês de Abril.A administração da IFM tem procurado financiamento para suportar os prejuízos que está a sofrer devido à forte quebra de encomendas e dos preços no mercado e pediu já apoio ao Governo para manter os postos de trabalho, tendo reunido recentemente com o secretário de Estado da Economia.A administração tem-se batido para que pelo menos metade dos trabalhadores sejam inseridos em programas de formação idênticos aos que o Governo criou para alguns dos sectores mais afectados pela actual crise, querendo evitar o recurso ao lay-off."Não sabemos qual a proposta que a administração irá apresentar terça-feira", disse António Basílio, não escondendo que também os trabalhadores preferiam o recurso aos programas de formação.A administração da IFM remeteu qualquer informação para terça-feira.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1380
    05-12-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1380
    05-12-2018
    Capa Médio Tejo