Economia | 20-12-2011 13:20

Construção de peças para novo avião militar nas OGMA garante 200 postos de trabalho

As Oficinas Gerais de Material Aeronáutico (OGMA) de Alverca do Ribatejo vão precisar de 200 trabalhadores para produzir diversas peças para o novo avião militar da brasileira Embraer, que é dona de parte do capital das oficinas de Alverca. Além da mão de obra que a oficina já possui, vão ser contratados trabalhadores a firmas externas do concelho e 30 dos quais serão engenheiros com qualificação superior. O contrato celebrado na última semana entre as OGMA e a Embraer prevê a industrialização, produção e suporte à construção dos painéis da fuselagem central, lemes de profundidade, carenagens e portas do trem de aterragem do novo KC-390, um avião militar de carga que pretende concorrer com o norte-americano Hércules C-130, produzido pela Lockheed Martin. Actualmente Portugal tem seis Hércules C-130 ao serviço da Força Aérea, o primeiro dos quais adquirido em Setembro de 1977.As peças que Alverca vai construir para o novo avião representam o "núcleo duro" da aeronave e serão enviadas de Alverca para a fábrica que irá montar o avião, que ficará situada em Portugal. Notícia desenvolvida na próxima edição impressa de O MIRANTE.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1368
    12-09-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1368
    12-09-2018
    Capa Médio Tejo