Economia | 03-11-2013 00:41

Nova edição do Move PME arranca no Ribatejo

Treze empresas da região iniciaram a sua participação no Move PME, projecto de formação-acção da Nersant que compreende a realização de formação em sala e a consultoria especializada nas empresas, uma das mais valias de maior evidência deste projecto. Através da participação no Move PME, é disponibilizado às empresas aderentes um consultor sénior que realiza um diagnóstico à empresa e define, implementa e acompanha, em conjunto com o empresário, o plano de acção estratégico inicialmente delineado.Para além desta componente de consultoria, o projecto tem ainda como vantagens o facto de ser uma acção financiada a 100 por cento, ou seja, sem qualquer custo para a empresa, e permite ainda o cumprimento da legislação laboral no que diz respeito à formação profissional.O Move PME visa apoiar as Micro, Pequenas e Médias Empresas a atingirem padrões de desempenho mais competitivos, recorrendo para o efeito a metodologias activas e diversificadas, e proporcionar acções de formação qualificante para gestores, quadros e trabalhadores, devidamente enquadradas na estratégia da empresa.As empresas da região podem inscrever-se neste projecto tendo em conta diversas áreas de intervenção, consoante as suas necessidades. São elas, "Gestão Estratégica", "Qualidade (ISO 9001: 2008)", "Ambiente (ISO 14001:2004)", "Segurança e Saúde no Trabalho (OHSAS 18001)" e "Segurança Alimentar (ISO 22000)".Florindo Ventura e Alda Fróis são gerentes da Maquettree Studios - Maquetas, Lda., empresa situada em Soudos, Torres Novas. De acordo com a sua experiência, a participação no Move PME traz grandes vantagens para as empresas. "Considero que este programa nos ajuda a abrir a mente, a verificar que há outras possibilidades de gestão, outras possibilidades de encarar o mercado…. Foi importante termos consciência dos nossos pontos fortes e fracos, para, a partir daí, podermos agir em consonância", referiu Florindo Ventura, mostrando-se visivelmente satisfeito com a participação na edição anterior do projecto. Também Alda Fróis expressou a sua satisfação relativamente ao projecto de formação e consultoria da Nersant. "Outro benefício que considero muito importante foi o conhecimento generalizado do tecido empresarial da região. O contacto e o conhecimento de empresas de outras actividades a quem podemos recorrer futuramente, é uma mais valia muito grande", revelou a empresária.Neste momento, a Nersant encontra-se a receber as últimas inscrições para completar o grupo de PME, nas áreas de "Gestão Estratégica" para micro e pequenas empresas e "Qualidade, Ambiente e Segurança" para pequenas e médias empresas.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1372
    10-10-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1372
    10-10-2018
    Capa Médio Tejo