Economia | 05-08-2015 16:12

Mais acções de formação para desempregados na região

Às onze acções de formação já organizadas juntam-se agora mais seis cursos que vão decorrer a partir de Setembro em vários pontos da região.

A Nersant - Associação Empresarial da Região de Santarém, assinou no dia 30 de Julho com o IEFP - Instituto do Emprego e Formação Profissional, um aditamento ao protocolo em vigor referente à dinamização da Medida Vida Activa que já possibilitou à associação a dinamização de 11 acções de formação para desempregados.No âmbito do alargamento da Medida Vida Activa, vão assim nascer pela mão da Nersant, a partir de Setembro, mais seis acções de formação: “Técnico/a Auxiliar de Saúde” e “Técnico/a de Comércio Internacional”, em Santarém; “Técnico/a Comercial”, em Torres Novas; “Técnico/a Auxiliar de Saúde”, em Tomar; “Técnico/a de Comércio Internacional”, em Alferrarede (Abrantes); e “Agente em Geriatria”, em Ourém.João Artur Rosa, da direcção da Nersant, assinou o aditamento do protocolo em representação da associação empresarial, tendo afirmando que “a realização destas acções permitirá aos participantes a aquisição ou reforço das competências dos formandos, contribuindo de forma activa para uma mais rápida e efectiva integração socioprofissional dos mesmos”. A medida potencia, continuou João Artur Rosa, “o regresso ao mercado de trabalho por parte dos desempregados, através de uma rápida integração em acções de formação de curta duração, que permitam a aquisição de competências relevantes, ou a valorização das competências já detidas”, esclareceu o responsável da associação.O alargamento da Medida Vida Activa vai permitir acrescentar seis acções de formação às 11 já realizadas no distrito pela associação empresarial, num total de cerca de 425 formandos/desempregados envolvidos e 5100 horas de formação realizadas. O protocolo em vigor com o IEFP é o segundo assinado pela Nersant para a dinamização da Medida Vida Activa. Em números totais, e tendo em conta o primeiro protocolo assinado com o IEFP no âmbito desta medida, a associação já dinamizou 35 acções de formação e envolveu cerca de 800 formandos/desempregados.“É objectivo da Nersant proporcionar aos formandos o contacto com as empresas da região, proporcionando, para além das situações simuláveis em sala de aula, formação prática em contexto de trabalho com o objectivo de permitir a consolidação das competências adquiridas e o fomento do networking, promovendo as condições de empregabilidade”, finalizou João Artur Rosa.As acções de formação têm como público-alvo desempregados inscritos nos serviços de emprego (subsidiados ou não subsidiados). Os formandos admitidos aos cursos de formação poderão ter direito a uma bolsa de formação (apoio não atribuído a desempregados beneficiários de subsídio de desemprego, subsídio social de desemprego e rendimento social de inserção), e encargos com alimentação e com transportes. No final da formação, existem algumas vagas para a dinamização de estágios.Mais informações ou esclarecimentos podem ser obtidos junto do Departamento de Formação e Qualificação da Nersant, através dos contactos dfq@nersant.pt ou 249 839 500.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1377
    15-11-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1377
    15-11-2018
    Capa Médio Tejo