uma parceria com o Jornal Expresso
28/05/2017
30 anos do jornal o Mirante
Assine O Mirante e receba o jornal em casa
Economia | 14-05-2017 00:11
Benavente trabalha para que arroz carolino seja uma marca do concelho
Presidente da câmara quer que o produto seja cada vez mais usado na gastronomia do país.

O Festival do Arroz Carolino das Lezírias Ribatejanas é uma forma de promover um sector de actividade com grande importância para a economia do concelho de Benavente. Para o presidente da câmara, Carlos Coutinho, este festival faz todo o sentido para a estratégia económica e de turismo do concelho. O autarca explica que "Benavente é o segundo concelho do país que mais produz arroz carolino”, destacando a capacidade dos agentes do sector e a evolução que os orizicultores do concelho tiveram ao longo dos anos.

“Em Benavente temos a sorte de termos bons parceiros, como por exemplo a Orivárzea, que tem feito um percurso, que tem sido extraordinário na valorização deste produto. Tem sido um percurso exemplar e é um modelo para o país", destaca Carlos Coutinho. O autarca refere que existe um "mercado muito competitivo” e que os orizicultores “conseguiram ganhar escala”. O que para o presidente” é fundamental para a competitividade".

Além das questões económicas, o arroz tem importância do ponto de vista ambiental. Os orizicultores desta região cumprem com uma série de requisitos ambientais nas suas culturas. A utilização de fertilizantes e outros produtos é muito reduzida e em quantidades muito controladas. "Aqui existe diferença. Quem vai ao supermercado tem a garantia de que o produto é regional e cada vez mais gente vai ter a consciência de saber da origem dos produtos que consome", refere o autarca.

* Notícia completa na edição semanal de O MIRANTE.

Comentários
Mais Notícias
    A carregar...
    Edição Semanal
    Edição nº 1300
    25-05-2017
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1300
    25-05-2017
    Capa Vale Tejo