Economia | 13-06-2018 15:26

Escola de Hotelaria de Fátima pioneira na formação em cozinha coreana

Escola de Hotelaria de Fátima pioneira na formação em cozinha coreana

Workshop, dirigido a profissionais da Hotelaria e Restauração, começou com a apresentação do chef Paulo Morais.

A Escola de Hotelaria de Fátima (EHF) quer ser pioneira na formação dos profissionais da região em cozinha coreana uma vez que o concelho de Ourém recebe anualmente milhares de turistas sul-coreanos. O embaixador da Coreia do Sul, Chul Min Park, visitou a EHF no âmbito do Workshop de Cozinha Coreana, que contou também com a participação do chef Paulo Morais, um dos mais conhecidos chefes portugueses especializados em cozinha oriental, e que deu a formação aos profissionais presentes.
O workshop, dirigido a profissionais da Hotelaria e Restauração, começou com a apresentação do chef Paulo Morais. Seguiu-se um breve enquadramento das encenações e rituais da cultura coreana, como o Ritual do Chá, Vestes Típicas, Gastronomia e Mise en Place, por Sara Reis, licenciada em Marketing Turístico pelo Instituto Politécnico de Leiria, que partilhou a sua experiência pela Ásia.
O chef Paulo Morais partilhou os seus conhecimentos numa sessão prática e Live Cooking, onde também se confeccionou o almoço que foi servido pelos alunos do curso de Restaurante/Bar, no restaurante do Claustro Monfortino.
O almoço, que contou com a presença do embaixador da Coreia do Sul, incluiu as várias iguarias típicas desse país, previamente cozinhadas pelos participantes do workshop nomeadamente Kimchie, Mantu, Bibimbap, Bolgoki, Japchae, Namul, Pa jeon, Yangnyeumjang sundubu e Daeha naengche. No próximo ano lectivo a EHF vai lançar a segunda edição do workshop de Cozinha Coreana.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1356
    20-06-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1356
    20-06-2018
    Capa Médio Tejo