Educação | 29-12-2010 07:45

Câmara adjudica construção de três novos centros escolares

A Câmara Municipal de Ourém adjudicou a construção de três novos centros escolares, investimento de cerca de 4,1 milhões de euros financiado em 80 por cento pelo Quadro de Referência Estratégico Nacional (QREN).O vice-presidente da autarquia, José Manuel Alho, explicou que os novos centros escolares – de Olival, Freixianda e Ourém Nascente – visam “optimizar o sistema de ensino no concelho, conferindo-lhe mais racionalidade”.“No fundo, as obras também cumprem as determinações políticas nacionais nesta matéria, que passam pela concentração de alunos e a oferta de melhores condições pedagógicas”, adiantou José Manuel Alho.Por outro lado, o vereador com o pelouro da Educação referiu que o objectivo da deliberação agora tomada em reunião do executivo municipal visa “maximizar o acesso aos fundos do QREN”.O responsável salientou que os novos centros, cujas obras iniciam no próximo ano, vão integrar a educação pré-escolar e o 1.º ciclo do ensino básico, determinando o encerramento de vários jardins-de-infância e de escolas nas freguesias do Olival, Freixianda, Formigais, Ribeira do Fárrio, Alburitel e Seiça.José Manuel Alho declarou que com estes investimentos os dois primeiros níveis de educação ficam com “uma cobertura satisfatória no concelho”, admitindo, contudo, que a revisão da carta educativa, em curso, possa determinar novas obras.“Estamos a avançar com estes centros escolares porque não há dúvidas sobre a sua necessidade e também não há dúvidas sobre a possibilidade de serem candidatáveis ao QREN”, esclareceu, reconhecendo a possibilidade de o futuro poder determinar a construção de um novo pólo escolar na zona rural de Fátima.No próximo ano, a Câmara Municipal de Ourém prevê concluir quatro centros escolares: na sede do concelho, Vilar dos Prazeres e dois em Fátima.“Os edifícios estão em fase de conclusão, mas para não prejudicar a dinâmica escolar, serão apenas ocupados no arranque do próximo ano lectivo”, assegurou o autarca.Na reunião de câmara, a autarquia deliberou também adjudicar a construção dos edifícios de apoio à piscina do Agroal, do pavilhão desportivo do Olival e da remodelação do antigo edifício dos Paços do Concelho, obras na ordem dos 2,5 milhões de euros.“O objectivo é aproveitar ao máximo o financiamento do QREN”, acrescentou José Manuel Alho a propósito destas obras.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Médio Tejo