Educação | 11-05-2012 08:59

Escola do Vale do Tejo recebe alunos de quatro países para discutirem hábitos alimentares

A Escola Profissional Vale do Tejo (EPVT), em Santarém, tem a decorrer, ao longo desta semana, um encontro que tem por tema os hábitos alimentares e que envolve alunos de escolas da Bélgica, Itália, Grécia, Polónia e Portugal.“We are what we eat” (nós somos aquilo que comemos) é o nome do projecto, com a duração de dois anos, a que a EPVT se candidatou, no âmbito do programa Comenius e que envolve também a escola belga Couillet Marcinelle (hotelaria e turismo), o Istituto Federico Albert (Itália), uma escola de Werynia, na Polónia (agro-indústria e economia), e uma escola de terceiro ciclo grega, de Chios.“Além do enriquecimento social e cultural, permitindo um melhor conhecimento da União Europeia e de diversas das suas culturas e da melhoria do domínio da língua inglesa, o projecto permite trabalhar questões ligadas a hábitos alimentares da nossa e de outras culturas”, disse à Agência Lusa Manuela Baião, da EPVT.Por outro lado, a responsável referiu o envolvimento de alunos e professores num intercâmbio que permite a melhoria das competências e o contacto com outras práticas e métodos de trabalho.O projecto teve um primeiro momento de mobilidade no início do ano, na Grécia, onde foi delineado o plano de trabalho e as acções a desenvolver, disse.A esta semana, em Santarém, seguir-se-ão acções nos outros países participantes, culminando o projecto com a elaboração de um relatório.Na semana, que decorre até sexta-feira em Santarém, os alunos dos cinco países participantes têm que apresentar trabalhos e exposições sobre a temática proposta, tendo assistido hoje a um painel sobre alimentação saudável, que contou com a participação de um nutricionista do Hospital Distrital de Santarém.O programa incluiu ainda um painel sobre a cultura avieira (dos pescadores que no início do século XX migraram da costa oeste para as zonas ribeirinhas do Tejo e do Sado), actividades culturais e desportivas e visitas a locais emblemáticos de Santarém e Lisboa, culminando na sexta-feira com uma visita à povoação medieval de Óbidos.Além da divulgação junto dos alunos estrangeiros, as iniciativas permitem aos alunos da EPVT “valorizarem a sua própria cultura e a sua comunidade, ao mesmo tempo que trabalham numa língua estrangeira, neste caso o inglês”, afirmou Manuela Baião.O projecto apresenta como grande finalidade contribuir para a promoção de hábitos alimentares saudáveis junto das comunidades escolares, através do estudo das tradições gastronómicas de cada um das nações envolvidas, mas também de outros continentes, frisou.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1360
    19-07-2018
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1360
    19-07-2018
    Capa Vale Tejo