Educação | 01-06-2018 11:42

Acessos ao Centro Escolar de Montalvo criticados pela oposição

O Centro Escolar de Montalvo deverá abrir portas no início do ano lectivo 2018/2019.

A Câmara de Constância aprovou na sua última reunião o lançamento do concurso para a empreitada de arranjos exteriores e acessos ao Centro Escolar de Montalvo, um investimento de 91 mil euros mais IVA. A maioria socialista votou a favor, enquanto as vereadoras da CDU, Júlia Amorim e Sónia Varino, abstiveram-se.


A empreitada prevê a execução dos arranjos exteriores, a construção de um parque de estacionamento com cerca de 40 lugares, uma gare para parqueamento de um autocarro e a iluminação pública. O Centro Escolar de Montalvo deverá abrir portas no início do ano lectivo 2018/2019.


Júlia Amorim e Sónia Varino (CDU) apresentaram uma declaração de voto na qual consideram que “o projecto não responde à verdadeira necessidade de acesso ao Centro Escolar porquanto não está prevista qualquer intervenção na Rua da Relvinha pelo que se verificará um estrangulamento no trânsito que comprometerá a segurança quer dos automobilistas quer dos peões”.


As vereadoras sugeriram ainda que “no âmbito das acessibilidades seja equacionada a ligação do Centro Escolar com a Rua das Hortas que será uma mais-valia no ordenamento do trânsito e na consequente segurança rodoviária”.


O presidente da câmara, Sérgio Oliveira (PS), explicou a O MIRANTE no final da reunião que relativamente ao arranjo do espaço exterior ao centro escolar a câmara assume todas as acessibilidades que permitem o seu funcionamento, além dos arranjos paisagísticos e estacionamento. “A estrada ficará com um separador central que permitirá ao autocarro deixar as crianças à porta da escola em condições de segurança”, sublinhou.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Médio Tejo