Entrevista | 22-01-2017 16:06

"Sempre fui um apaixonado por automóveis"

"Sempre fui um apaixonado por automóveis"
IDENTIDADE PROFISSIONAL

Joaquim Fradique é um dos gerentes da Auto-Reparadora Bragadense.

Ser honesto consigo mesmo e com os clientes é uma das razões para o sucesso do negócio de Joaquim Fradique, 61 anos, um dos gerentes da Auto Reparadora Bragadense, situada nas Bragadas, Póvoa de Santa Iria, concelho de Vila Franca de Xira. Joaquim partilha a gerência do negócio com o tio, Manuel Quiteres.

Aberta ao público a 1 de Setembro de 1981, a Auto Reparadora Bragadense é uma oficina que presta serviço multimarcas para automóveis, incluindo mecânica, trabalhos de chapa, pintura, electricidade e de estofador. Em suma, tudo o que se pode e deve fazer num automóvel, a oficina de Joaquim Fradique está à altura do desafio. É natural de Atalaia do Campo, concelho do Fundão, distrito de Castelo Branco, mas está radicado nas Bragadas há tantos anos que diz sem qualquer receio que essa é a sua terra e não esconde o orgulho de viver e trabalhar naquela zona do concelho vilafranquense.

"Sou filho das Bragadas e o meu filho nasceu aqui. É a minha terra. Só gostava de ver aqui mais coisas, o clube mais desenvolvido e o parque infantil bem cuidado e conservado, que actualmente está ao abandono", lamenta. Joaquim veio para Lisboa com os pais quando tinha 13 anos. "Eles vieram trabalhar para a Quinta da Piedade que era só agricultura, a Póvoa de Santa Iria naquele tempo só existia da estrada nacional para baixo. Não havia todos os prédios que há hoje aqui em cima", recorda a O MIRANTE.

Com 13 anos foi trabalhar para uma oficina em Lisboa e ganhava 20 escudos por dia (10 cêntimos em euros). Mas desse dinheiro, gastava 15 escudos nos bilhetes de comboio para poder ir trabalhar. "Sobravam-me cinco escudos para o cinema", conta com um sorriso mas sem esconder que era uma vida difícil.

* Entrevista completa na edição semanal de O MIRANTE.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1368
    12-09-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1368
    12-09-2018
    Capa Médio Tejo