Entrevista | 04-03-2018 16:09

“Há que criar iniciativas para trazer os turistas do Convento de Cristo à cidade”

“Há que criar iniciativas para trazer os turistas do Convento de Cristo à cidade”
Carlos Galinha diz que Tomar deve aproveitar turistas para desenvolver concelho

Carlos Galinha é presidente da Casa do Concelho de Tomar em Lisboa há cerca de um ano

A Casa do Concelho de Tomar em Lisboa comemora 75 anos no dia 4 de Março e estão a decorrer, em Tomar e em Lisboa, várias actividades culturais organizadas pela associação em parceria com o município de Tomar. A actual direcção tem apostado em jantares-temáticos que se realizam uma vez por mês na capital para dinamizar o espaço e divulgar produtores e artistas do concelho. Com um edifício próprio, construído por tomarenses no início do século passado, a Casa do Concelho tem sabido rentabilizar o espaço e vive do arrendamento do prédio de quatro andares.

Tomar celebra o seu dia a 1 de Março. Que presente ofereceria à cidade?

Ofereceria uma medalha porque é sempre uma data que todos os tomarenses deveriam recordar. Tomar foi a primeira vila do distrito de Santarém a ser elevada a cidade. É muito bonita, tem muita história e muito potencial que deve ser aproveitado.

Há 30 anos Tomar era considerada a segunda cidade com mais importância do distrito de Santarém mas perdeu preponderância nos últimos anos. A que é que se deveu essa diminuição de importância na região?

Devemos olhar para tudo como oportunidades e não como uma crise e baixar os braços. Temos jardins bonitos, o Convento de Cristo, um conjunto de igrejas e de espaços que poderíamos aproveitar como alavanca. O turismo começa a ser uma das fontes de rendimento do país e podíamos fazer a diferença.

Pode especificar?

Existem poucas unidades hoteleiras em Tomar. Poderíamos apostar nessa área para trazer mais turistas a Tomar e pernoitarem cá, o que iria mexer com outras áreas da economia local. Criar mais eventos culturais. Uma grande parte dos turistas visita o Convento de Cristo e vai embora. Temos que criar iniciativas que façam com que os turistas venham cá abaixo à cidade.

Como é que se pode fazer para cativar esses turistas a ficarem cá?

Entrevista completa para ler na edição semanal de O MIRANTE AQUI

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1372
    10-10-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1372
    10-10-2018
    Capa Médio Tejo