Foto Galeria | 15-05-2018

Praça de Salvaterra de Magos encheu na primeira corrida do ano

1 / 12
Praça de Salvaterra de Magos encheu na primeira corrida do ano

António Goes

2 / 12
Praça de Salvaterra de Magos encheu na primeira corrida do ano

Francisco Palha na lide do toiro de Canas Vigouroux

3 / 12
Praça de Salvaterra de Magos encheu na primeira corrida do ano

Pedro Coelho dos Amadores de Coruche

4 / 12
Praça de Salvaterra de Magos encheu na primeira corrida do ano

Andrés Romero na lide do toiro Miura

5 / 12
Praça de Salvaterra de Magos encheu na primeira corrida do ano

Fernando Montoya dos Amadores de Santarém

6 / 12
Praça de Salvaterra de Magos encheu na primeira corrida do ano

António Ribeiro Telles na lide do bravo toiro de Veiga Teixeira

7 / 12
Praça de Salvaterra de Magos encheu na primeira corrida do ano

João Prates Ferreira dos Amadores de Coruche

8 / 12
Praça de Salvaterra de Magos encheu na primeira corrida do ano

Francisco Palha na lide do toiro de Veiga Teixeira, extra concurso

9 / 12
Praça de Salvaterra de Magos encheu na primeira corrida do ano

Ruben Giovetti dos Amadores de Santarém

10 / 12
Praça de Salvaterra de Magos encheu na primeira corrida do ano

Andrés Romero na lide do toiro dos Herdeiros de António Silva, extra concurso

11 / 12
Praça de Salvaterra de Magos encheu na primeira corrida do ano

António Tomás dos Amadores de Coruche

12 / 12
Praça de Salvaterra de Magos encheu na primeira corrida do ano

António Ribeiro Telles na lide do toiro do Conde de la Maza

António Ribeiro Telles o triunfador-mor em Salvaterra de Magos

Tarde de toiros vivida no dia 13 de Maio na Praça de Toiros de Salvaterra, onde se realizou um Concurso de Ganaderias Luso – Espanhol. Actuaram os cavaleiros António Ribeiro Telles, que se sagrou o triunfador- mor, em duas lides muito boas, com destaque para a segunda, frente a um bravo toiro da ganaderia de Veiga Teixeira que viria a conquistar os dois troféus em disputa. Bem esteve Francisco Palha nas lides dos toiros pertencentes a Cana Vigouroux e de Veiga Teixeira. Quanto ao terceiro integrante do cartaz, o rejoneador Andrés Romero, passou despercebido, frente aos toiros de Miura (um exemplar indigno para tal função) e de Herdeiros de António Silva.

A corrida foi atribulada na segunda parte, com a inutilização do toiro de Dolores Aguirre (uma estampa) e o dos Herdeiros de António Silva, ficando o concurso de ganadarias reduzido a quatro exemplares.

Casa cheia em que os grupos de forcados estiveram em grande plano. Pelos Amadores de Santarém pegaram António Goes, Fernando Montoya e Ruben Giovetti. Pelos de Coruche foram caras Pedro Coelho, João Prates Ferreira e António Tomás.

Texto e fotos de Henrique de Carvalho Dias

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1368
    12-09-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1368
    12-09-2018
    Capa Médio Tejo