Memória | 21-03-2018 00:05

António Bento Vintém

Faleceu dia 21 de Março de 2013 com 68 anos

Era editor, proprietário da EuroPress, e classificava-se como revolucionário, intelectual e agitador de consciências. Afirmava existir para mudar o mundo. António Bento Vintém, nascido em Coruche a 21 de Janeiro de 1945, passou parte da sua infância em Tomar e fez-se homem em Santarém, onde viveu até ser detido pela polícia política do regime salazarista em Novembro de 1967 por conspiração contra o regime. Esteve dezanove meses na prisão de Caxias. Durante o tempo que passou em Santarém, na década de sessenta, foi uma espécie de homem dos sete ofícios. Trabalhou na delegação do Instituto Nacional do Trabalho, tocava bandolim na Orquestra Típica Scalabitana, integrou o cineclube de Manuel Castela, dedicou-se à pintura, passou pelo teatro, foi colaborador dos jornais Correio do Ribatejo e do Jornal de Notícias. Mais tarde foi pedreiro e canalizador em Itália e França. Foi líder do já extinto Partido Comunista Reconstruído.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1377
    15-11-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1377
    15-11-2018
    Capa Médio Tejo