Política | 17-04-2006 13:54

PS de Tomar exige demissões

A Concelhia do PS de Tomar pediu hoje a demissão da administração do Centro Hospitalar do Médio Tejo, que acusa de estar a prejudicar o concelho na distribuição das especialidades clínicas pelas unidades de saúde.

Em comunicado divulgado hoje, a estrutura local do PS "exige a imediata demissão do Conselho de Administração, certo de que este, depois da sua completa incapacidade de gerir a situação, não tem quaisquer condições para continuar a merecer a confiança, nem dos cidadãos dos diferentes Concelhos envolvidos, nem sequer da tutela"."A actual administração não tem sabido gerir de forma clara, justa e aceitável a complementaridade entre os três pólos do Centro Hospitalar do Médio Tejo (Tomar, Torres Novas e Abrantes)", consideram os socialistas.A estrutura do PS de Tomar lamenta ainda as alterações das valências ministradas em cada uma das unidades.Esta "complementaridade não deve significar dependência", defende a Concelhia de Tomar, considerando que o "novo hospital (da cidade) presta menos e piores serviços que o antigo" porque tem perdido serviços para as unidades de Torres Novas e Abrantes.Nos últimos meses, o hospital de Abrantes tem acolhido algumas especialidades clínicas, em prejuízo de Torres Novas e Tomar, pelo que os autores do comunicado defendem que o Plano Funcional do Centro Hospitalar, aprovado em 1998, sejam cumprido, gerando uma distribuição mais justa das valências."Se tal não for cumprido, será a altura então de considerar a hipótese de separação do Centro Hospitalar e autonomizar cada uma das Unidades Hospitalares", cabendo a cada equipamento uma área de influência.Actualmente, "Tomar é o parente pobre do Centro Hospitalar" e "tem sido o armazém ou fonte de recursos para quando algo falta nos outros" hospitais, considera a Concelhia local do PS.A estrutura salienta que uma inversão de estratégia de gestão só poderá ser assumida com um novo conselho de administração.Lusa

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Vale Tejo