Política | 27-04-2008 09:13

Câmara do Cartaxo substitui-se no pagamento de despesas pelo ACP

O vereador da CDU na Câmara do Cartaxo, Mário Júlio Reis, mostrou o seu desagradado pelo facto de só o transporte dos automóveis participantes no Quilómetro Lançado de Valada ter custado aos cofres da autarquia quase oito mil euros (7.955,2 euros), por via do Automóvel Clube de Portugal.Por esse motivo o autarca sugeriu que a prova passa a realizar-se de dois em dois anos, dando o exemplo contrário de valorização da cultura local, de forma barata, que significa a Festa do Vinho.O presidente da Câmara do Cartaxo, Paulo Caldas (PS), esclareceu que o acréscimo de custos de prova de Valada se deveu ao facto de o ACP ter demonstrado dificuldades em, assumir esse encargo, que noutras edições foi suportado a 50 por cento. “Ou matávamos o evento ou assumíamos esse ónus”, acrescentou o edil.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Médio Tejo