Política | 13-12-2011 13:08

Concelhia do PSD de Tomar apelida oposição de “incoerente”

A Concelhia do Partido Social Democrata (PSD) de Tomar reagiu, através de um comunicado, ao chumbo do orçamento de 2012 para a Câmara de Tomar, na tarde de segunda-feira, 12 de Dezembro, criticando a atitude da oposição que “varia as suas análises, posicionamentos e votos em função do momento e das necessidades de afirmação e visibilidade”. José Delgado, presidente da concelhia, refere que a oposição ao rejeitar o orçamento de 2012, “negou a sua existência dos últimos dois anos, quando planeou ou apoiou as actividades desenvolvidas que, entretanto, veio agora manifestar com o voto contra”. José Delgado não quis, no entanto, deixar de reforçar que “o PSD irá governar num sistema de partilha de ideias e valores, onde todos os que se apresentem com ideias positivas e válidas, serão ouvidos, tendo em vista reforçar a imagem e posicionamento de Tomar ao nível regional e nacional”.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1368
    12-09-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1368
    12-09-2018
    Capa Médio Tejo