Política | 22-10-2013 05:49

Vereador da CDU faz acordo com presidente da Câmara de Azambuja exigindo novo mercado na sua aldeia

O acordo entre o vereador comunista na Câmara de Azambuja e o presidente socialista sem maioria absoluta, Luís de Sousa, caiu que nem uma bomba na concelhia da CDU. Herculano Martins, número dois da lista da CDU (coligação do PCP e de Os Verdes) para a câmara, prometeu ajudar a gestão de Luís de Sousa e em troca a câmara constrói um novo mercado diário na aldeia onde vive, em Manique do Intendente. O acordo que permite a Luís de Sousa governar com tranquilidade, foi feito à revelia dos comunistas que ficaram indignados e prometem tirar a confiança política ao vereador.Herculano Martins explicou a O MIRANTE que aceitou coligar-se com o executivo de Luís de Sousa "a título individual" depois de ter negociado "o melhor para a freguesia de Manique". Herculano vai ser vereador a tempo inteiro nos próximos quatro anos. * Notícia desenvolvida na edição semanal de O MIRANTE

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1381
    13-12-2018
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1381
    13-12-2018
    Capa Vale Tejo