Política | 02-07-2017 10:04

Pedro Ribeiro quer relançar “Cartaxo, Capital do Vinho”

Pedro Ribeiro quer relançar “Cartaxo, Capital do Vinho”

Actual presidente do município recandidata-se a um segundo mandato pelo PS.

Relançar o projecto “Cartaxo, Capital do Vinho” é uma das propostas de Pedro Magalhães Ribeiro, recandidato do Partido Socialista (PS) à presidência da Câmara Municipal do Cartaxo nas eleições autárquicas de 1 de Outubro deste ano.

Um projecto que já foi testado na Casa Agrícola Casal do Conde, em Porto de Muge, concelho do Cartaxo tendo sido um sucesso. O facto deste concelho estar no centro do país e a pouco mais de meia hora do aeroporto de Lisboa e da gare do Oriente, aliado ao turismo cada vez mais virado para o vinho e gastronomia, faz com que valha a pena, de acordo com o recandidato do PS, apostar forte no enoturismo.

A apresentação oficial da candidatura decorreu na tarde deste sábado, 1 de Julho, e contou com a presença do deputado do PS na Assembleia da República, Porfírio Silva, a substituir o presidente do partido, Carlos César, que, por razões de saúde, não teve possibilidade de estar presente.

Outras das propostas de Pedro Magalhães Ribeiro é colocar o Tejo no centro da estratégia de desenvolvimento do Cartaxo, dando vida a este rio que considera ser património social e económico desta região. “Temos de deixar de estar de costas voltadas para o rio Tejo”, refere.

O cabeça-de-lista à Assembleia Municipal do Cartaxo é Augusto Parreira. O candidato à União de Freguesias do Cartaxo e Vale da Pinta é Délio Pereira; à União de Freguesias de Ereira e Lapa, João Nunes; à Junta de Freguesia de Pontével, Mário Silva; à Junta de Freguesia de Valada, Margarida Abade; e à Junta de Freguesia de Vila Chã de Ourique, Vasco Casimiro.

Mais Notícias

    A carregar...
    Dançarinas ribatejanas entre as melhores da Europa
    Foto do Dia
    As atletas do Coreo Dance Project, de Benavente, e da ODAC - Oficina de Artes de Coruche alcançaram o quarto lugar na grande final europeia de dança, realizada no Palácio de Congressos de Paris. As atletas têm entre os 7 e os 24 anos e para a responsável do grupo, Marta Salsinha, foi “uma experiência incrível” poder competir com os maiores e melhores bailarinos e coreógrafos da Europa. Uma prestação que deixa orgulhosos os atletas mas também as localidades de Benavente e Coruche. Na comitiva, além dos 25 bailarinos, seguiram também pais e amigos dos atletas. Entretanto, Marta Salsinha está entre os oito nomeados para a categoria de melhor coreógrafo de estilo livre e contemporâneo de 2017, nos Prémios Internacionais Duende que distinguem o que de melhor se faz na dança em Portugal, Espanha, Gibraltar e França.
    Foto do Dia | 24-09-2017

    Edição Semanal

    Edição nº 1317
    21-09-2017
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1317
    20-09-2017
    Capa Médio Tejo