Política | 17-10-2017 13:25

Presidente da Junta quer assumir limpeza da cidade

Presidente da Junta quer assumir limpeza da cidade
ALMEIRIM

Outra das prioridades deste mandato é a construção do crematório.

O reeleito presidente da Junta de Freguesia de Almeirim, Joaquim Catalão, que tomou posse na noite de segunda-feira, 16 de Outubro, quer assumir a limpeza da cidade. O autarca até já falou com o presidente do município, Pedro Ribeiro, que segundo diz, mostrou abertura em passar essas competências para a junta.

"Achamos que faz todo o sentido, visto que já temos a manutenção dos espaços verdes", afirmou Catalão, acrescentando que precisa de tudo, "dos meios, do pessoal e de verbas. Só por nós não temos essa capacidade". O autarca explica que não será já no início do mandato mas que isso vai acontecer.

Outra das prioridades deste mandato é a construção do crematório. "Em relação à execução do crematório vamos ter uma reunião dentro de dias para discutir mais alguns pormenores no projecto para se avançar com a construção neste mandato".

A ideia de construção do crematório é da Junta de Freguesia de Almeirim, que gere o cemitério, mas é a câmara que está a gerir o processo e vai pagar a obra que tem um custo previsto de 400 mil euros. A localização mais provável é na zona ajardinada, onde se situa a capela, à entrada do cemitério, do lado direito. O crematório não vai ser concessionado a privados e a sua gestão vai ficar entregue à junta de freguesia, em parceria com a câmara.

No início da exploração, a câmara deverá receber cerca de 90 por cento dos lucros com vista a pagar o investimento. Após o equipamento estar pago os proveitos serão repartidos em partes iguais por cada autarquia. O crematório é o primeiro a avançar no distrito de Santarém.

O Partido Socialista venceu as eleições de 1 de Outubro para a Assembleia de Freguesia com 69,24% (6.367 votos). O executivo da Junta de Freguesia de Almeirim é composto por Joaquim Catalão (presidente); Teresa Aranha (secretária); Paula Guerra (tesoureira); Joaquim Miguel Pereira (vogal) e João Caetano (vogal). O PS conseguiu eleger 11 deputados em 13 lugares.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1352
    24-05-2018
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1352
    24-05-2018
    Capa Vale Tejo