Política | 06-03-2018 20:45

Assembleia Municipal de Santarém chumba moção em defesa do Tejo

PSD e CDS votaram contra o texto dos bloquistas e os socialistas optaram pela abstenção.

As bancadas do PSD, PS e CDS na Assembleia Municipal de Santarém inviabilizaram a aprovação de uma moção em defesa do Tejo e de Arlindo Marques apresentada pelo Bloco de Esquerda na última sessão desse órgão autárquico. PSD e CDS votaram contra o texto e os socialistas optaram pela abstenção.

A moção visava recomendar ao Governo que tomasse medidas para que a empresa Celtejo diminuísse a poluição ao rio Tejo – o que entretanto tem sido feito - e incluía também um voto de solidariedade com o ambientalista Arlindo Consolado Marques, processado pela Celtejo por difamação.

“Numa altura em que se aproxima uma assembleia municipal temática sobre o rio Tejo (dia 28 de março), o PSD, CDS e PS continuam sem admitir a gravidade das acções da Celtejo, seja por serem responsáveis por 90% de descarga de efluentes de pasta de papel em Vila Velha de Ródão, seja por esta acusar o ambientalista Arlindo Consolado Marques de prejuízos de imagem”, considera o Bloco de Esquerda em comunicado.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1351
    16-05-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1351
    16-05-2018
    Capa Médio Tejo