Saúde | 25-08-2017 09:02

Câmara não espera pelo ministério e avança com obras na Extensão de Saúde de Valada

Câmara não espera pelo ministério e avança com obras na Extensão de Saúde de Valada
CARTAXO

Trabalhos foram incluídos no Orçamento Municipal.

O presidente da Câmara do Cartaxo, Pedro Magalhães Ribeiro (PS), assinou o contrato de adjudicação das obras de alteração na Unidade de Saúde Familiar de Valada (Extensão de Saúde de Valada), no valor de 34.712,10 euros (mais IVA), à empresa Construaza, Construções e Projectos, Lda, vencedora do concurso público que decorreu no primeiro semestre de 2017. O autarca referiu que esta obra é da competência directa do Ministério da Saúde e que a autarquia decidiu avançar com os trabalhos por sua conta, atendendo às necessidades da população.

Pedro Magalhães Ribeiro explica que “desde o início do mandato que reivindicámos esta intervenção, promovemos visitas de técnicos e decisores da administração central ao local, disponibilizámos os serviços da câmara municipal e insistimos na necessidade de manter este espaço ao serviço da população”, disse. O autarca acrescenta que “a demora para obtermos uma resposta concreta, a par de entendermos que os cuidados de saúde de proximidade que são prestados em Valada, são um serviço público essencial levaram o executivo a incluir estas obras no Orçamento Municipal de 2017”.

O presidente do município sublinha que a assinatura do contrato de adjudicação permite começar as obras já no início de Setembro. Pedro Ribeiro destacou, entre os trabalhos que vão ser efectuados, as melhorias que permitirão o acesso ao edifício e aos cuidados de saúde por utentes com mobilidade condicionada, “assegurando maior dignidade a pessoas que enfrentam já tantos desafios diários”.

Para o autarca, honrar o compromisso para com a população, passa por “criar igualdade de oportunidades no acesso aos serviços públicos e de garantir que estes são prestados em condições dignas. Quando falamos em mobilidade condicionada não nos referimos apenas a utentes em cadeira de rodas mas também a utentes com idade mais avançada ou problemas de saúde específicos”, considerou.


Novos espaços e melhoria das condições de acesso
Com um prazo de execução de 90 dias as obras vão decorrer no interior do edifício, assim como numa das fachadas, com alterações e beneficiações que dão resposta às condições técnicas exigidas pelo Ministério da Saúde, Direcção-Geral das Instalações e Equipamentos da Saúde.

Entre as intervenções previstas no projecto elaborado pelos serviços municipais, destacam-se a construção de um novo compartimento destinado a armazenamento e despejos de resíduos hospitalares, a criação de um novo gabinete médico, ampliação de vários espaços no interior para permitir o acesso a utentes com mobilidade condicionada, alargamento da área de circulação de acesso às instalações sanitárias e novos equipamentos e substituição das portas existentes permitindo o acesso de forma desimpedida.

Transporte gratuito para a Unidade de Saúde Familiar D. Sancho I

Durante o decorrer das obras vai continuar disponível o serviço de transporte que se efectua desde Março deste ano. Para que os utentes sem transporte próprio possam continuar a aceder aos serviços médicos e de enfermagem, a Câmara do Cartaxo - em parceria com a Junta de Freguesia de Valada e a Unidade de Saúde Familiar D. Sancho I - disponibiliza transporte gratuito. O serviço está disponível semanalmente, às quintas-feiras, com partida para a USF de Pontével às 9h30 e regresso a Valada às 11h30. O transporte parte junto à Extensão de Saúde de Valada e não necessita de qualquer marcação prévia.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1376
    07-11-2018
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1376
    07-11-2018
    Capa Vale Tejo