uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

GNR envolvido em rede de droga

Nove pessoas detidas

A GNR deteve nove pessoas, entre as quais um cabo da guarda, e apreendeu droga, armas, dois carros, duas motos, telemóveis e dinheiro nos concelhos de Vila Franca de Xira, Loures e Lisboa.

Edição de 14.01.2004 | Sociedade
A operação “Abertura I” decorreu na quinta-feira, 8 de Janeiro e passou por residências na Póvoa de Santa Iria e Forte da Casa, Bobadela, São João da Talha e nos bairros das Galinheiras e Ajuda em Lisboa. Seis homens e três mulheres foram detidos.Presentes ao Tribunal de Vila Franca de Xira, quatro arguidos ficaram presos e os restantes, incluindo o militar, ficaram a aguardar julgamento com termo de identidade e residência.A GNR apreendeu 61 granas de heroína, 9,3 gramas de cocaína, 803 gramas de haxixe e 12 gramas de liamba. Os guardas levaram ainda três plantas de liamba e apreenderam dois carros, duas motos, 12 telemóveis, 6315 euros, três pistolas, três caçadeiras, uma catana, duas facas e uma balança de precisão que se suspeita fosse utilizada no peso da droga.Fonte da GNR disse que o cabo, pertencente ao Regimento de Cavalaria da GNR sedeado na Ajuda, não foi suspenso de funções, mas foi aberto um processo de averiguações.O guarda de 47 anos de idade e 26 anos de serviço tinha na sua posse uma pistola 6,35mm de defesa pessoal, mas não tinha qualquer quantidade de droga, apesar da investigação confirmar o seu relacionamento com alguns arguidos. A operação surgiu depois de denúncias de vizinhos que se queixavam dos postos de venda de droga. A “Abertura I” começou há mais de dois meses e contou com o apoio do batalhão operacional da guarda. Esta foi a primeira operação liderada pelo Núcleo de Investigação de Crimes de Drogas da GNR de Loures criado há três meses e envolveu mais de 70 militares da GNR.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...