uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Espectáculos interditos

Espectáculos interditos

Praça de Salvaterra com problemas nas bancadas

A Inspecção das Actividades Culturais detectou problemas nas bancadas da praça de toiros de Salvaterra de Magos, em Setembro de 2003, e decidiu proibir espectáculos taurinos no recinto. A indicação das obras obrigatórias a fazer só foi comunicada este mês.

Edição de 28.01.2004 | Sociedade
A primeira corrida de toiros da temporada na Praça de Salvaterra de Magos está em vias de não se efectuar. O espectáculo, marcado para 14 de Março, está dependente da realização de obras nas estruturas das bancadas. Sem essa intervenção não há licença da Inspecção-Geral das Actividades Culturais. Como a Santa Casa da Misericórdia local, proprietária da praça, só foi avisada dessa obrigação este mês, poderá não haver tempo para proceder à necessária intervenção. Caso a corrida de 14 de Março seja cancelada a instituição pode sair prejudicada em cerca de 5 mil euros. As estruturas de suporte das bancadas apresentam fissuras e nalguns pilares o ferro está corroído. Problemas identificados pela Inspecção Geral das Actividades Culturais (IGAC). Este organismo fez uma vistoria à praça de toiros em Setembro do ano passado. Mas, segundo o provedor da Santa Casa da Misericórdia de Salvaterra, Armando Oliveira, só no início deste mês de Janeiro é que a inspecção indicou à proprietária do recinto tauromáquico quais as obras que tinha que fazer. Armando Oliveira confirmou a O MIRANTE que existem alguns problemas nas estruturas de suporte das bancadas. “Em alguns locais há fissuras e noutros o cimento estalou devido ao facto dos ferros terem enferrujado. Agora temos que tapar essas fissuras, limpar o ferro e nalguns casos substituí-lo”, explicou. Esta situação deve-se, em seu entender, à antiguidade da praça, construída em 1920. Mas no entender do provedor da Misericórdia a praça não apresenta grande degradação, até porque têm sido feitas obras de manutenção ao longo dos anos. “Aceitamos as indicações da Inspecção Geral das Actividades Culturais, mas também tem que se compreender que a construção já é muito antiga”, reforçou. Armando Oliveira acrescenta que se a IGAC tivesse comunicado há mais tempo quais eram as obras necessárias estas já poderiam estar concluídas. “Não é em cima do início das actividades tauromáquicas que se vai interditar a praça”, criticou. A misericórdia já começou a trabalhar no sentido de resolver os problemas. E assim que as obras estejam concluídas a proprietária da praça tem que pedir uma vistoria, no sentido de se verificar se todas as indicações foram cumpridas. Se a misericórdia não conseguir obter a licença para a realização de espectáculos a tempo, perde cerca de 5 mil euros. O valor que recebe do empresário Luís Cebola (forcado de Alcochete), a quem foi concessionada a praça. “Se não fizermos a corrida do dia 14 de Março vamos ter um grande prejuízo, porque a praça é uma grande fonte de rendimento para a Santa Casa. É com esse dinheiro que podemos dar assistência aos mais carenciados e ter pessoas na nossa instituição que nem sequer têm reforma”, concluiu.A inspecção à praça de Salvaterra de Magos foi feita em colaboração com o Departamento de Estruturas do Instituto Superior Técnico. Para além desta foram também vistoriadas as praças de Estremoz, Mourão e Caldas da Raínha, que também ficaram interditas. Além destas vistorias de âmbito mais técnico, a IGAC efectua vistorias anuais de rotina às 65 praças de toiros do país.É obrigatório, para a realização de espectáculos tauromáquicos em praças fixas, o licenciamento prévio pela IGAC. Não obstante o licenciamento, estas praças carecem de vistoria anual, a ser solicitada pelas respectivas entidades responsáveis entre Janeiro e Fevereiro, com vista à verificação das correspondentes condições técnicas e de segurança. As praças desmontáveis carecem de licenciamento da respectiva câmara municipal.
Espectáculos interditos

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...