uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Inês Henriques a caminho dos Jogos Olimpicos

João Vieira foi o melhor português na Taça do Mundo

João Viera, marchador do Clube de Natação de Rio Maior, foi o melhor português na Taça do Mundo de Marcha Atlética que se realizou no domingo em Naumburg, na Alemanha.

Edição de 05.05.2004 | Desporto
O atleta nacional conseguiu a sua melhor marca da época e voltou a conseguir os mínimos “A” (1h23m00s) para os Jogos Olímpicos de Atenas, agora com 1h21m45s, registo que lhe valeu o 17º lugar final na prova dos 20 quilómetros marcha.Longe da marca que vale o “passaporte” olímpico ficaram Augusto Cardoso (42º, com 1h25m11s), Diogo Martins (59º, com 1h27m49s) e Bruno Reis (63º, com 1h28m25s). O vencedor acabou por ser o equatoriano Jefferson Perez, actual campeão do mundo e recordista mundial, que pela terceira vez triunfou na prova.Em segundo chegou o mais medalhado marchador de sempre - o polaco Robert Korzeniowski, de 35 anos, que tem no seu palmarés um total de oito medalhas de ouro, olímpicas, mundiais e europeias.Por equipas, Portugal classificou-se em 11º lugar, com 118 pontos, mais cem do que a China (18). O Equador ficou no segundo lugar com 35 pontos, os mesmos que a Itália, terceira classificada. No sector feminino, mesmo sem a presença de Susana Feitor, ainda a recuperar da lesão sofrida no Grande Prémio de Rio Maior disputado o mês passado, Portugal classificou-se em décimo lugar, com Maribel Gonçalves e Inês Henriques (CNRM) a confirmarem os mínimos olímpicos para Atenas.Maribel Gonçalves foi a melhor portuguesa, ao concluir os 20 quilómetros no 29º lugar, em 1h32m02s, batendo o seu recorde pessoal por 33 segundos. Inês Henriques, 34ª a cortar a meta, também superou o seu máximo pessoal em 52 segundos, fixando-o agora em 1h32m32s.Inês Henriques ganhou assim vantagem teórica sobre Vera Santos, também do Clube de Natação de Rio Maior, que foi 36ª, com 1h33m13, pior que a 1h32m43s que conseguira nos últimos campeonatos do Mundo de Paris2003, em Agosto passado. Inês que em Rio Maior já conseguira melhor registo, ultrapassa assim Vera Santos na luta pela terceira vaga portuguesa para os Jogos Olímpicos.Recorde-se que cada país pode levar um máximo de três atletas à prova de marcha. Se recuperar da lesão, como tudo parece indicar, Susana Feitor (1h29m12s) tem lugar assegurado, o mesmo acontecendo com Maribel Gonçalves (1h32m02s). Inês Henriques (1h32m32s) e Vera Santos (1h32m43s), estão também abaixo dos mínimos olímpicos “A”, fixados em 1h33m30s, com vantagem para InêsA vitória na prova alemã foi para a russa Yelena Nikolayeva (ex-Kuznetsova), de 38 anos, a mais bem sucedida especialista em 20km, com um palmarés em que se destacam o título e recorde mundial e o ouro olímpico. A chineza Jiang Jung foi segunda, seguida de Maria Vasco (Espanha), Jane Saville (Austrália) e Elisa Rigaudo (Itália), atletas que nos mês passado correram em Rio Maior.Colectivamente, Portugal ficou no décimo lugar, com 99 pontos. A China foi a vencedora (18 pontos), menos dez que a Rússia e menos 23 que a Roménia (41 pontos).

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...