uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

PSD de Vila Franca dividido na privatização das Lezírias

Edição de 05.05.2004 | Política
As divergências no seio do PSD marcaram a discussão duma moção intitulada: “Não à privatização da CL”, apresentada pelo PS na reunião da Assembleia Municipal de Vila Franca de Xira de quinta-feira, 29 de Abril. Orlando Silva disse que o PSD tem todo o interesse em que não haja privatização da Companhia das Lezírias e manifestou-se de acordo com parte do texto da moção. Vítor Silva contrariou o sentido da intervenção do seu colega de bancada e reforçou a posição oficial do presidente do PSD e Primeiro-Ministro que é favorável à privatização. O autarca e dirigente concelhio do partido lembrou que a concelhia do PSD só tomará uma posição oficial quando conhecer as condições e o modelo de privatização a seguir. A moção alerta para os interesses imobiliários que se movem em torno do futuro da Companhia das Lezírias e defende a preservação de todo aquele património agrícola, ambiental e cultural. Segundo os autarcas, uma identidade da maior importância para o concelho de Vila Franca de Xira pode ser posta em causa. A bancada do PSD sugeriu o adiamento da votação da moção alegando que na reunião da comissão permanente da assembleia tinha ficado assente que as três forças partidárias representadas iriam preparar um texto consensual. “É uma matéria de crucial importância para os concelho de Vila Franca e de Benavente, pelo que importa encontrar uma base de consenso”, disse Orlando Silva.Os eleitos da maioria PS consideraram que a moção não podia ser adiada porque perderia oportunidade. O documento foi aprovado com os votos a favor do PS e CDU e quatro abstenções do PSD.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...