uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Polícia detido por injuriar GNR

Festa acabou em pancadaria em Casais Castelos, Torres Novas
Edição de 05.05.2004 | Sociedade
Um agente da PSP foi detido por injúrias e tentativa de agressão a militares da GNR que acorreram a uma festa particular em Casais Castelos, freguesia de Riachos (Torres Novas), onde o polícia já havia, supostamente, agredido outra pessoa.O agente, de 44 anos, que presta serviço na esquadra do Entroncamento, encontrava-se numa festa particular, na madrugada de 28 de Abril, tendo-se envolvido numa briga com um dos convivas da festa, de 55 anos, que acabou por ter de ser transportado pelos bombeiros ao Hospital de Torres Novas para receber tratamento pelas agressões sofridas. A GNR foi chamada para restabelecer a ordem pública, chegando ao local quando a vítima estava a ser socorrida e metida na ambulância. Foi então, que segundo o capitão Rego, comandante do destacamento da GNR de Torres Novas, os militares pediram a identificação do presumível agressor e se “viram envolvidos numa cena rocambolesca”. “Um dos militares reconheceu o agente e pediu-lhe para ele se dirigir até ao jipe para procederem à identificação. Quando o militar se voltou, ele começou a injuriar e pelo menos tentou a agressão”, contou ao nosso jornal o capitão da GNR.A situação provocou a detenção do suposto infractor que, pelas nove da manhã, foi presente ao juiz do Tribunal de Torres Novas, tendo sido posto em liberdade a aguardar julgamento, mas com termo de identidade e residência. A PSP instaurou um processo disciplinar ao agente.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...