uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Paulo Azambuja é uma esperança

Final do III Bolsin Taurino de Azambuja
Edição de 12.05.2004 | Cultura e Lazer
Paulo Azambuja provou que é uma esperança do toureio a cavalo em Portugal e conquistou o troféu da câmara municipal para a melhor lide a cavalo na final do III Bolsin Taurino de Azambuja no domingo à tarde. A iniciativa da autarquia azambujense serviu para promover a festa brava e descobrir novos talentos em duas eliminatórias realizadas a 10 e 17 de Abril. Diogo Vicente, o outro concorrente finalista na lide a cavalo, esteve infeliz na hora de cravar e ficou aquém das expectativas. Melhores dias virão para o rapaz que já deu provas de bem montar e talento a tourear.Na lide a pé, o jovem Paulo Sérgio, teve sorte com o novilho que lhe coube e desenhou bons detalhes de capa e muleta, arrebatando o troféu para o melhor novilheiro oferecido pela junta de freguesia. Gonçalo Montoya, da Moita do Ribatejo, deu tudo para triunfar, mas o novilho não colaborou. O sevilhano Alvaro Piñero também não teve fortuna e sentiu dificuldades do segundo da tarde. O diestro esteve bem no capote e bandarilhas merecendo a volta a arena.O colombiano André de los Rios com um novilho complicado realizou uma lide que justificou a volta à arena.Uma palavra para os forcados. Os juvenis de Tomar consumaram a melhor pega e receberam o troféu da empresa Toiros&Aplausos destinado aos moços da jaqueta. Os rapazes da Azambuja sentiram muitas dificuldades perante um novilho pouco colaborante. O público compareceu em bom número se atendermos que a chuva ameaçou estragar a tarde.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...