uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Cláudio Madruga

COM A SELECÇÃO NO CORAÇÃO

Cláudio Madruga vai na segunda época como treinador principal do Riachense. Ainda jovem, estreou-se como técnico principal do Alvitejo na época de 1998/1999 e depois esteve três anos como adjunto de Carlos Brito no Vilafranquense. Está confiante na competência de Scolari e acredita que Portugal pode chegar às meias-finais do Euro 2004.

Edição de 12.05.2004 | Desporto
Até onde pode ir a selecção nacional?Acho que temos condições para fazer um bom europeu e chegar às meias-finais já seria excelente, porque temos de ter consciência que não somos das equipas mais fortes da Europa e não temos o hábito de ir a grandes competições. É verdade que temos grandes jogadores, que jogam nos melhores campeonatos da Europa, mas isso acontece com todas as selecções que cá vêm. Para mim a nossa vantagem até pode ser algum jogador que joga no campeonato nacional e que não é tão conhecido lá fora.Está-se a lembrar de alguém em especial?Por exemplo o Ricardo Carvalho ou o Deco, embora com a carreira que o Porto está a fazer na Liga dos Campeões eles não sejam propriamente uns desconhecidos na Europa.Está a pensar ir ver jogos ao vivo ou vai ficar pelo sofá?Vou ficar em casa e ver os jogos pela televisão. Vou tentar gravar um ou dois que me pareçam mais interessantes para depois analisar com mais calma.Costuma gravar muitos jogos?Normalmente não gravo mas neste caso estamos a falar de selecções de topo e se surgir alguma inovação a nível do sistema táctico será aqui.É adepto para vestir camisola e ir de cachecol para a rua comemorar uma eventual vitória portuguesa?Não. Sou uma pessoa comedida e não me estou a ver ir para a rua apitar e fazer barulho. Se estiver com os amigos é óbvio que festejo e ficarei satisfeito, mas ir para a rua só se for com a vitória de uma equipa minha.Scolari é o treinador ideal para conduzir Portugal ao triunfo?Se o campeão do mundo não serve para treinar a selecção portuguesa, não sei quem servirá. O Scolari foi contratado com o objectivo de ganhar o Europeu e só no final é que se devem fazer as contas. Agora uma coisa é certa. Ele teve sucesso em todos os projectos que abraçou.Mas os resultados não têm ajudado…Acredito que depois do estágio a selecção vai estar num nível mais elevado e mais consistente. Os resultados é que vão ditar o sucesso e o insucesso e entrar bem nos primeiros jogos vai ser decisivo. Um mês de estágio pode parecer pouco mas são jogadores de alta competição e o trabalho vai ser facilitado por isso.Se fosse seleccionador nacional convocava Vítor Baía?Pelo valor dele e dado o seu momento de forma e os seus antecedentes, acho demasiado injusto o Vítor Baia não ser convocado. Eu sempre achei a decisão do Scolari um bocado estranha mas ele lá terá as suas razões que poderão ser desportivas ou de outra natureza. Mas acho que a nossa baliza está bem entregue ao Ricardo, que é um excelente guarda-redes e se estiver ao seu melhor nível fará grandes exibições.Qual é a sua selecção ideal?Ricardo na baliza, Miguel, Fernando Couto, Jorge Andrade e Nuno Valente na defesa, Costinha, Deco e Rui Costa, Figo, Pauleta e Simão na frente.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...