uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

IC 3 ainda vai demorar

Ponto da situação feito durante a visita do governador civil a Alpiarça

O ambicionado Itinerário Complementar 3 é falado há uma década mas ainda vai demorar mais alguns anos. Actualmente decorre o estudo prévio sobre dois trajectos possíveis para o troço entre Almeirim e Entroncamento.

Edição de 12.05.2004 | Sociedade
O projecto do troço do Itinerário Complementar (IC) 3 entre Almeirim e o Entroncamento encontra-se em fase de estudo prévio, prevendo-se que o projecto de execução possa estar concluído no início de 2006. A novidade foi deixada na quinta-feira pelo director de Estradas de Santarém, Alcindo Cordeiro, durante a visita que o governador civil de Santarém, Mário Albuquerque, efectuou ao concelho de Alpiarça.Para já, estão na mesa dois corredores possíveis para a via há muito ambicionada que vai atravessar os concelhos de Alpiarça, Chamusca, Golegã e Vila Nova da Barquinha. As câmaras já foram chamadas a pronunciar-se sobre as opções disponíveis, seguindo-se o Estudo de Impacte Ambiental antes de ser elaborado o projecto de execução que conduzirá à obra. O responsável da Direcção de Estradas não arrisca datas para o início da empreitada, que na melhor das hipóteses só deverá arrancar em 2007. Ou seja, mais de uma década depois de ter sido anunciada.Esse troço do IC 3 vai ligar a A 13 em Almeirim, à A 23 no Entroncamento. Alcindo Cordeiro admitiu que o percurso tem sido “atribulado” e manifestou esperança que a situação se inverta. Recorde-se que já existiu um projecto para o trajecto entre Chamusca e Almeirim que foi posto de parte devido às conclusões do Estudo de Impacte Ambiental entretanto elaborado.Apesar de ainda não se vislumbrar no horizonte o início dos trabalhos, o presidente da Câmara de Alpiarça, Joaquim Rosa do Céu (PS), ficou satisfeito com as explicações e com os prazos apontados, lembrando que o IC 3 é uma necessidade premente para o desenvolvimento do concelho. Essa via vai permirir desviar o tráfego dos centros de Alpiarça e Chamusca, que são atravessadas pela Estrada Nacional 118.O estado das ligações viárias foi uma das principais preocupações apontadas por Rosa do Céu, que recebeu boas notícias do director regional de Agricultura relativamente a alguns caminhos rurais. David Geraldes garantiu que, ainda este ano, vão arrancar as obras na ponte dos Alpiarçoilos, que liga a Herdade de Lagoalva de Cima à Quinta da Torre, apontada como a situação “mais gritante”.A estrutura está num estado de degradação considerado preocupante. O tabuleiro encontra-se numa cota inferior relativamente aos acessos, existem algumas fissuras e as protecções laterais estão danificadas.Menos um médico e mais dois guardasMas nem só de boas notícias se revestiu a décima quarta visita do governador civil a um concelho do distrito de Santarém. O coordenador da Sub-Região de Saúde de Santarém, Fernando Afoito, aproveitou para anunciar que o Centro de Saúde de Alpiarça passou a contar com menos um médico, que se retirou por motivos de doença. O que vai agravar os “constrangimentos” já sentidos no funcionamento daquela unidadeFernando Afoito reconheceu também que o preenchimento dessa vaga não vai ser fácil, dada a escassez de profissionais no mercado de trabalho. “Se houvesse um médico disponível contratava-o hoje mesmo”, afirmou.Quanto às extensões de saúde construídas nalguns lugares do concelho e entretanto encerradas, Fernando Afoito aprovou essa política dizendo que com a falta de profissionais de saúde faz todo o sentido concentrar a prestação de cuidados numa única unidade, neste caso o centro de saúde. Caso contrário corria-se o risco de ter as extensões a funcionar e não ter médicos para prestar o atendimento.Também o posto da GNR de Alpiarça se confronta com falta de meios humanos, mas a situação vai ser minimizada em breve, com a chegada de mais dois efectivos até ao início desta semana. O anúncio foi feito pelo capitão Vítor Pragana, comandante do destacamento de Santarém.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...