uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Construções preparadas contra sismos

Edição de 26.05.2004 | Sociedade
Os melhores técnicos a nível nacional deslocaram-se, no sábado, a Salvaterra de Magos para debater as construções anti-sísmica na Lezíria do Tejo. A convite da associação Pormagos, vários especialistas sobre a matéria discutiram a geração dos sismos a nível nacional e da região, o efeito dos sismos nos terrenos, o comportamento das construções e as medidas construtivas a adoptar. Como esta é uma zona de alto risco sísmico, as pessoas devem estar sempre preocupadas, referiu o presidente da Pormagos. Moura Esteves recordou que o sismo “é uma acção que está sempre a nascer. E poderá manifestar-se a qualquer altura”. Quando ele surgir, poderá ser uma tragédia. Por isso, “como não se pode evitar o sismo, poderá evitar-se uma tragédia”. Daí a importância deste tipo de debates junto da população.Relativamente às construções na nossa região, “pode dizer-se que elas até estão preparadas”. Principalmente as construções mais recentes, que seguem os regulamentos de segurança contra as acções sísmicas. “O que poderá evitar um colapso e causar tragédias”, adiantou. No entanto, Moura Esteves chamou a atenção para algumas construções da região que poderão ter sofrido alterações relativamente ao projecto inicial. Nestes casos, “poderão existir problemas”, concluiu.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...