uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Um azar nunca vem só

Luís Correia fracturou os dois pulsos e não vai poder defender o título de Sub 21
Edição de 07.07.2004 | Desporto
O piloto ribatejano Luís Correia lesionou-se com gravidade e não vai poder defender o título nacional de motocross de Sub 21 que conquistou na época passada. O jovem de Moçarria, concelho de Santarém, partiu os dois pulsos no supercross de Soure, segunda prova do nacional daquela modalidade e vai estar fora das pistas pelo menos durante três meses.O acidente ocorreu na volta de reconhecimento, quando o piloto aterrou mal na recepção de um “triplo” e saiu projectado pela dianteira da moto. “Para evoluirmos e fazermos melhor que os outros por vezes temos de arriscar. Eu arrisquei mas desta vez as coisas correram-me mal”, contou Luís Correia a O MIRANTE. “Estou bastante triste, mas acima de tudo este é um desporto em que temos de contar com estas lesões”, acrescentou.Apesar de esta ser a sua oitava lesão com gravidade, Correia não pensa em desistir e diz que a motivação para fazer carreira na modalidade está intacta. Para já vai estar com os pulsos engessados durante dois meses, mas para não perder a forma vai correndo e andando de bicicleta. Tudo para que quando poder voltar a treinar sem limitações esteja no seu melhor.Recorde-se que Luís Correia já este ano se sagrou campeão nacional de motocross de 125 cc e venceu as duas primeiras provas da classe de Sub 21, onde esteve imbatível. A lesão, no entanto, levou-lhe o sonho de revalidar o título este ano.Enduro de Alcanena anulado Entretanto, no Enduro, devido a problemas de ordem interna do clube e falta de autorizações do Parque Natural, o Pedrinha Motor Clube não vai realizar a última jornada do Campeonato Nacional de Enduro prevista para 10 e 11 de Julho.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...