uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante
Nem obras nem hóspedes

Nem obras nem hóspedes

Pousada da Juventude de Santarém continua fechada

As prometidas obras de remodelação da Pousada da Juventude de Santarém nunca saíram do papel. Um ano depois do seu encerramento, por falta de condições, tudo continua na mesma.

Edição de 20.07.2004 | Sociedade
A Pousada da Juventude de Santarém, encerrada há quase um ano, continua de portas fechadas em plena época alta à espera que se iniciem as obras de remodelação. A unidade de alojamento, situada no mesmo edifício da delegação de Santarém do Instituto Português da Juventude encerrou inesperadamente a meio de Agosto do ano passado.Na altura, Hugo Neto, presidente da Movijovem, a entidade que gere as pousadas da juventude em Portugal, garantiu ao nosso jornal que o espaço deveria voltar a abrir as portas em Março, depois de concluídas as obras de remodelação. Mas ao longo do último ano não se iniciaram quaisquer obras.Há um ano Hugo Neto referiu também ao nosso jornal que a pousada de Santarém não se enquadrava nos níveis de qualidade para uma rede de pousadas, adiantando que a transformação da pousada num factor de desenvolvimento da zona teria que ser repensada em conjunto com a autarquia.No ano passado, o secretário de Estado da Juventude, Hermínio Loureiro, tinha admitido também a suspensão de algumas das 43 pousadas do país por falta de qualidade.Desde Fevereiro que O MIRANTE tenta entrar em contacto com o presidente da Movijovem Hugo Neto para saber se a pousada voltará a reabrir, mas até ao momento não foi possível obter qualquer esclarecimento.A Pousada da Juventude de Santarém apresentava já sinais de alguma degradação, mas constituía ainda assim a única alternativa de alojamento para albergar muitos visitantes e elementos de grupos que participam em diversas iniciativas na cidade.Ao que O MIRANTE apurou junto de fonte do Instituto Português da Juventude, o espaço não tem sido muito procurado com excepção de uma pessoa que por duas vezes se deslocou pessoalmente ao local com a intenção de fazer uma reserva. A mesma fonte adianta que assim que contactam a Movijovem os interessados são imediatamente informados de que o espaço se encontra encerrado.Ao contrário da Pousada da Juventude de Abrantes, que possui cozinha de alberguista, refeitório, aluguer de bicicletas, ténis de mesa e lavandaria, os serviços do centro de acolhimento de Santarém limitavam-se a instalação para pessoas com deficiência, elevador e telefone público.Numa altura em que se fala de redução de custos, a Pousada de Santarém, um dos centros de alojamento mais pequenos do país que se destinou inicialmente a acolher fornecedores, deverá ser um dos últimos a ser recuperado. Isto no caso dos responsáveis chegarem à conclusão de que vale realmente a pena investir na remodelação.UNIDADE FANTASMANo site dedicado às pousadas da juventude em Portugal (www.pousadasjuventude.pt) a informação é de que a unidade de Santarém se encontra encerrada para obras de remodelação. O utilizador é aconselhado a escolher a pousada de Abrantes, a norte do distrito, a única que está disponível actualmente na região, mas estranhamente na página oficial da secretaria de Estado da Juventude a opção de Santarém continua válida. Na página do centro nacional de informação juvenil (www.sej.pt) ainda consta a morada e número de telefone e até uma foto da pousada de Santarém. A informação sobre o horário da recepção e os preços praticados mantém-se como se o centro de alojamento continuasse em funcionamento.A mesma informação está presente no site da Câmara Municipal de Santarém (www.cm-santarem.pt), que sugere a pousada como um dos possíveis locais de alojamento. Na página do Sapo a pousada ainda surge como uma opção válida, assim como no site http://viajar.clix.Como se não bastasse a Pousada da Juventude de Santarém continua ainda a constar nos grandes roteiros de turismo internacional - www.letsgo.com, www.travelaholics.com e http://portugal-hotels.net – como uma hipótese de alojamento para os turistas interessados em conhecer o Ribatejo.
Nem obras nem hóspedes

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...