uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Ganhar todos os jogos

Coruchense assume-se como uma das principais equipas do Distrital

O Grupo Desportivo “O Coruchense” quer fazer melhor que o quinto lugar que obteve a época passada na Primeira Divisão Distrital. A apresentação do plantel aos sócios foi na quinta-feira e o novo técnico da equipa, João Mourinha, mantém as expectativas altas, tendo à disposição um plantel jovem, salpicado por jogadores experientes.

Edição de 18.08.2004 | Desporto
Foi com uma apresentação com direito a chamada individual desde os balneários que o Grupo Desportivo “O Coruchense” deu a conhecer o plantel para a época 2004/2005, na quinta-feira, perante algumas dezenas de associados. As aquisições foram 13 e o objectivo principal é fazer melhor que o quinto lugar da época passada. As mudanças estenderam-se à equipa técnica, onde João Mourinha sucede a Mário Lázaro. Depois de ano e meio de ausência dos relvados, após a saída do Rio Maior, Mourinha está numa fase de conhecimento dos jogadores, para verificar se é necessário contratar mais uma elemento. “Caso venhamos a precisar de alguém, em princípio, será para as alas. Mas penso que temos uma equipa jovem e de valor”, referiu.Quanto a objectivos, o técnico afina pelo diapasão geral dentro do clube, de ficar entre os quatro primeiros da prova, já que o quinto posto foi alcançado na pretérita temporada.Entre os reforços mais sonante que chegaram aos Coruchense estão Valbom e Rubenilson. Para o veterano médio que acabou o trajecto no Fazendense, a aposta no clube de Coruche significa é para ganhar. “Queremos ganhar todos os jogos e tentar fazer melhor que o quinto lugar da época passada. Tenho experiência dos campeonatos nacionais e vou tentar contribuir para dar uma ajuda a estes jovens, porque sempre consegui atingir grande parte dos objectivos na minha carreira”, afirmou.Quanto às principais equipas do campeonato, Valbom não tem dúvidas em apontar Amiense, U. Santarém e U. Almeirim como as formações que devem andar no topo da tabela. O único senão para si é voltar ao pelado mas, nesse aspecto, diz que há que adaptar-se.Quem também espera muito desta época é Rubenilson, que se mudou do Tramagal para Coruche à procura de estabilidade e de um projecto mais ambicioso. “Propuseram-me boas condições e eu aceitei. Quero ajudar o Coruchense a fazer melhor carreira que no ano passado. Temos um plantel jovem mas com valor e também recebi boas informações do técnico”, afirmou a O MIRANTE.Depois de passagens pelo Guarda, Vilafranquense, Mirense, U. Tomar e Tramagal, Rubenilson aposta no Coruchense que, acredita, vai ser a surpresa do campeonato.Há duas épocas no clube de Coruche, o ponta de lança Oliveira é um jogador consagrado na máxima prova distrital. Para o brasileiro, o Coruchense tem capacidade para estar entre os melhores num campeonato que considera muito equilibrado. “Podemos fazer melhor que o quinto lugar mas todas as equipas são muito iguais. Não existe um grande favorito”, analisou.O jogador diz não ter grande ambição em ser profissional reconhecendo, no entanto, que recebeu uma proposta esta época para mudar de ares. “Eu sinto apenas o prazer de jogar e não quero ser profissional. Apenas dar o melhor em todos os jogos pelo Coruchense. Já agora pedir ainda mais apoio ao nosso público”, solicitou.O plantel às ordens de João Mourinha conta com os seguintes jogadores: os guarda-redes Gonçalo Arromba, João Nunes (ex-Avenir Beggen – Luxemburgo) e Flávio (ex-júnior); Ruben, Amorim, José Monteiro, Rosinha, Tavares (ex-Sacavenense), Ricardo Silva e Didi (ambos ex-Santananense), Faísca, Dinis (ex-Mafra) e João Paulos (ex-júnior) compõem os elementos da defesa. No sector intermédio o Coruchense conta com Nuno Frade, Lino, Totó, Beto (ex-Águias Sorraia), Tiago António (ex-U. Santarém), Valbom (ex-Fazendense), Rubenilson (ex-Tramagal), Caju (ex-Águias Alpiarça) e André Coelho (ex-júnior). Tony e Pedro Bona (ambos ex-Águias Sorraia), Oliveira, Pelarigo (ex-Rio Maior) e André Forca (ex-Académica Santarém), são os avançados.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...