uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Azambuja recupera monumento abandonado

Castro de Vila Nova de São Pedro será aberto ao público
Edição de 15.09.2004 | Sociedade
A Câmara da Azambuja quer recuperar e tornar visitável o Castro de Vila Nova de São Pedro, o mais importante monumento do concelho, mas que se encontra completamente abandonado.O castro de Vila Nova de São Pedro é um povoado do período do calcolítico (pré-histórico) que é considerado o mais importante da Península Ibérica. Segundo o presidente da Câmara, Joaquim Ramos, a importância do monumento “justificou o desenvolvimento de uma estratégia de valorização e divulgação do local”.O processo vai iniciar-se com a aquisição dos terrenos e a realização de um estudo tendo em vista a recuperação do castro que se encontra bastante danificado. O castro tem a classificação de imóvel de interesse público, mas a Câmara espera que após a sua recuperação possa vir a ser classificado como monumento nacional.A autarquia vai contar com o apoio da Associação dos Arqueólogos Portugueses, entidade que vai prestar assessoria científica para a investigação e acções futuras relativas ao castro.A Câmara e a associação assinaram um protocolo onde se comprometem a elaborar conjuntamente um projecto integrado de valorização do castro de Vila Nova de São Pedro.Joaquim Ramos disse que a ideia é realizar escavações, limpeza e valorização da envolvente. Depois de estar devidamente recuperado, será instalado um centro de apoio aos visitantes com informação sobre o monumento.O autarca espera que no espaço de um ano os terrenos já estejam na posse da autarquia e que haja resultados do estudo.A divulgação do castro vai ter início a partir de Outubro, altura prevista para a inauguração do museu municipal, onde ficará exposto grande parte do espólio relativo ao monumento.A exposição vai permitir que comecem também a ser realizadas visitas e trabalhos com escolas, iniciando-se aquilo a que o autarca designou de “descoberta do castro”.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...