uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Golpe de teatro

Golpe de teatro

Edição de 05.01.2005 | Cavaleiro Andante
O final da sessão da assembleia Municipal de Santarém de 29 de Janeiro foi tragicómico. O actor e encenador Gomes Vidal foi queixar-se da falta de apoio da câmara a uma peça que pretendia colocar em cena na cidade e no final declamou excertos de um poema de Manuel Alegre que terminou com um sonoro: “É inútil tentarem calar-me!”. Estupefactos, os eleitos, pouco habituados a representações desse género, não sabiam se haviam de rir ou de chorar. E, pelo sim pelo não, alguns deles bateram palmas…
Golpe de teatro

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...