uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Mini Volta a Portugal em cicloturismo começa e acaba na região

Mini Volta a Portugal em cicloturismo começa e acaba na região

Com 15 etapas entre 21 e 29 de Maio
Edição de 05.01.2005 | Desporto
A XV edição da Mini Volta a Portugal em cicloturismo, este ano integrada no calendário da Federação Portuguesa de Ciclismo, como I Passeio a Portugal em Bicicleta - Ciclismo para Todos, tem a partida marcada para o dia 21 de Maio, em Alpiarça, local onde vai terminar no dia 29, depois dos cicloturistas terem percorrido 15 etapas.A Mini Volta a Portugal em Cicloturismo nasceu em Maio de 1991, em Alpiarça, numa iniciativa dos cicloturistas José João Arraiolos, António Sardinheiro, António Centeio, Augusto Lourenço, António Castelo e do já falecido João Albano.O mês de Maio foi escolhido para a concretização da iniciativa por ser o “mês do coração” e assim, durante nove dias, os cerca de três dezenas de cicloturistas que participaram na primeira edição percorreram as regiões do Ribatejo e Estremadura, com passagem para o Vale do Sado e Costa Vicentina e foram até ao Algarve. No regresso a Alpiarça passaram pelas planícies alentejanas, sempre num ritmo de esforço controlado.Ao longo dos 14 anos que já leva de vida, a prova foi crescendo, sem esquecer os objectivos de confraternização. A amizade entre os participantes internacionalizou-se com equipas de França e Suiça e hoje é um dos maiores eventos do género que se realizam em Portugal, cabendo a sua organização ao Grupo Cultural e Recreativo de Cicloturismo do Vale do Tejo, uma associação juridicamente constituída para a realização da Mini Volta a Portugal em Cicloturismo.Contudo e apesar do grande crescimento, o grupo nunca abandonou os objectivos para que foi criado: congregar o maior número de adeptos da modalidade; implementar a vertente lúdica como meio insubstituível de contacto com a natureza, promoção da saúde e convívio entre pessoas; promover e dar a conhecer percursos e itinerários de interesse turístico, entre outros.Com o sucesso das 14 edições já realizadas, a Federação Portuguesa de Ciclismo decidiu este ano integrar a prova no seu calendário para o ano de 2005, como I Passeio a Portugal em Bicicleta “Ciclismo para Todos”.A integração no calendário da Federação é mais um desafio que se coloca à organização, e Augusto Lourenço, um dos elementos ligados à organização, garante que o grupo continua coeso e disposto a manter o nível organizativo.“Movimentar cerca de oitenta pessoas, encontrar espaços de colaboração com as câmaras municipais, que têm sido excepcionais na ajuda, quer na alimentação como no apoio logístico, requer muito trabalho e muita dedicação, que felizmente não tem faltado”, reconhece Augusto Lourenço.
Mini Volta a Portugal em cicloturismo começa e acaba na região

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...