uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Técnico superior contra presidente

António Neves é candidato do PS em Benavente
Edição de 12.01.2005 | Política
António Neves, técnico superior de Geografia e planeamento regional ao serviço da Câmara Municipal de Benavente foi o homem escolhido pela Comissão Política Concelhia do PS para liderar a lista de candidatos ao executivo municipal. A advogada samorense Ana Reis Casquinha será o nome seguinte numa lista que será apresentada em reunião de militantes no sábado, às 15h00, na Junta de Freguesia de Samora Correia.Por confirmar estão os nomes dos cabeças de lista para a Assembleia Municipal e para as quatro freguesias. No caso de Samora Correia, tudo indica que José António Dias voltará a assumir a liderança da lista. Artur Saraiva, actual vereador e cabeça de lista nas duas últimas eleições, não deverá aparecer em qualquer lista do PS.António Joaquim Oliveira das Neves, 42 anos, é natural de Benavente e vive na Barrosa. Nas últimas eleições foi o número dois da lista apresentada para a freguesia de Benavente. É vogal na assembleia de freguesia, sendo um dos autarcas mais participativos nas reuniões.O MIRANTE conversou com António Neves que recusou confirmar a sua candidatura com um sorriso e remeteu a comunicação para depois da reunião de militantes. “Eles terão de ser os primeiros a saber. Depois falarei sobre isso”, disse.Apesar do voto de silêncio feito pelo grupo que está a organizar as autárquicas, O MIRANTE confirmou junto de fonte socialista que a escolha do geógrafo foi consensual. Nos últimos meses, António Neves assumiu algum protagonismo com intervenções críticas à actividade da câmara. Algumas produzidas em reuniões públicas da autarquia.António Neves é técnico superior na câmara e para exercer funções autárquicas terá de suspender a sua actividade no município onde será eleito. O MIRANTE sabe que o geógrafo já está a desenvolver contactos no sentido de ser transferido para outro município da região e ao que tudo indica com funções superiores às que exercia em Benavente. O geógrafo continua os seus estudos e está a preparar um mestrado.Quem o conhece garante que é um homem ambicioso, trabalhador e dedicado. Quanto à vocação para a política, alguns reconhecem que ficaram surpreendidos com a decisão, mas elogiam a sua coragem e determinação. António Neves foi o técnico que assessorou o presidente da câmara na guerra contra o traçado proposta pela Brisa para a auto-estrada A13 que está a ligar Santo Estêvão a Almeirim. Foi uma guerra perdida, mas o trabalho do geógrafo foi muitas vezes elogiado em público pelo presidente da câmara. Ironia do destino António Ganhão vai ter de enfrentar o seu braço direito na campanha para as autárquicas que terão lugar em Outubro próximo.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...