uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Dois presos fugiram de Alcoentre

Direcção Geral estuda reforço da segurança
Edição de 19.01.2005 | Sociedade
Dois reclusos a cumprir penas por roubo e tráfico fugiram na madrugada de sexta-feira, 14 de Janeiro, do Estabelecimento Prisional de Alcoentre, Azambuja. Segundo fonte da Direcção-geral de Serviços Prisionais (DGSP), os homens serraram as grades e aproveitaram o forte nevoeiro para desencadear a estratégia. Os dois reclusos evadiram-se às 04h30 depois de subirem ao telhado e terem saltado o muro que divide a prisão do exterior.Os indivíduos em fuga foram detectados pela torre de vigilância mais próxima, tendo o guarda prisional efectuado vários disparos que não impediram a fuga. Os evadidos têm 47 e 38 anos. O mais velho cumpria uma pena de 13 anos de prisão por roubo e tráfico de estupefacientes e o mais novo estava a cumprir quatro anos e meio de prisão por crime de furto.A Direcção-geral de Serviços Prisionais (DGSP) admitiu que os reclusos aproveitaram alguma fragilidade do sistema de vigilância e anunciou que, para além das diligências para a recaptura do evadido, iniciou uma averiguação das condições em que se desenrolou a fuga.A DGSP está a analisar as medidas que irá tomar para se “colmatarem as fragilidades de segurança, aparentemente existentes” naquela prisão.Entretanto no dia 13, a GNR deteve um homem de 32 anos também evadido da cadeia de Alcoentre. O indivíduo fugiu no dia 8 de Agosto e dedicava-se a assaltar residências. Estava a cumprir uma pena de 10 anos e meio de prisão por furto e roubo. Foi preso em Algueirão, Mem Martins quando estava a ler o jornal numa esquina.No fecho desta edição, na terça-feira, o triplo homicida Américo Piçarreira continuava a monte. O homem de 33 anos beneficiou duma saída precária na época natalícia e não voltou ao Estabelecimento Prisional de Vale de Judeus, em Alcoentre. O homicida foi acusado de ter morto dois idosos e uma criança e de ter feito vários assaltos. As autoridades suspeitam que esteja armado e consideram-no um homem “muito perigoso”.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...