uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Santarém derrota Belenenses

Escalabitanos vencem por 82-77

A equipa sénior masculina de basquetebol de Santarém, que milita na liga profissional, venceu este sábado, ao início da noite, no pavilhão de Santarém, a formação do Belenenses, por 82-77. O resultado final demonstra bem o equilíbrio do jogo, que terminou com uma diferença de apenas cinco pontos a favor da equipa ribatejana, que assim somou a sua quarta vitória na competição.

Edição de 26.01.2005 | Desporto
Os escalabitanos dominaram de princípio ao fim, chegando mesmo a ter uma vantagem máxima de 15 pontos. A exibição dos pupilos de José Monteiro valeu pelo seu todo, mas o jovem Tiago Barreiro foi o principal dinamizador do ataque do Santarém Basket, apontando 15 pontos e efectuando 4 assistências.O Belenenses começou o jogo apático e permitiu aos homens da casa terem uma vantagem de 11-4. Sem acerto defensivo, os de Belém só conseguiram responder a meio do primeiro período com a distância no marcador a encurtar gradualmente até chegar aos 23-19. No segundo período, o Santarém Basket começou melhor novamente, mas dadas as carências no jogo interior Ivan Tilev, que logo aos 5 minutos averbou três faltas na marcação a Richard Anderson, as coisas quase que se iam complicando. Sem soluções no banco de suplentes, Monteiro foi forçado a dar minutos ao jovem Dário Furtado, que apesar dos 2,06 sentiu o peso da entrada no jogo.Valeu então a experiência de Luís Machado, Gabe Martin e Tiago Barreiro, que galvanizaram o muito público presente na Nave desportiva de Santarém. Os de Belém tentavam responder com Reggie Moore a pegar no jogo e a acarretar a responsabilidade de encetar a recuperação.A vantagem dos escalabitanos, 47-35, no final dos 20 minutos era justificada. Os comandados de José Monteiro foram sempre superiores e José Couto começava a viver no banco o jogo com alguma apreensão. Para a segunda parte, já era esperada a recuperação dos lisboetas. Cedo se percebeu que o Belenenses estava com uma atitude mais aguerrida e com intenção de cometer menos erros. Ao Santarém competia gerir o marcador, e no banco José Monteiro teria de gerir os poucos recursos.A rapidez e a pontaria afinada de Tiago Barreiro permitiam ao Santarém Basket manter a esperança de somar a quarta vitória na Liga. À entrada dos últimos dez minutos, a vantagem de 65-58 dava alguma segurança aos homens da casa, mas as quatro faltas de Tiago Barreiro e Ivan Tilev e o desacerto de Luís Machado (que teve de ser substituído) faziam antever momentos de alguns nervos para os escalabitanos.Com o Belenenses a crescer nos instantes finais, o treinador do Belenenses ainda acreditava na reviravolta, tanto mais que por várias vezes os restelo chegaram perto no marcador, 68-67, e 70-70, com um fantástico triplo de Moore. O esforço final dos jogadores de Santarém permitiu no entanto terminar com uma vantagem de cinco pontos, (82-77), que garantiu a quarta vitória da equipa na Liga profissional.Derrota em QueluzEntretanto, esta terça-feira à noite, em cima do fecho desta edição de O MIRANTE, o Santarém foi ao pavilhão de Queluz, líder da prova, e perdeu por 85-65, em jogo a contar para a 15 jornada. A equipa ribatejana está actualmente no décimo lugar, com as mesmas quatro vitórias e onze derrotas do Aveiro Basket, que é nono.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...