uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
30 anos do jornal o Mirante

Adilson - 24 Anos - Mação

Cromos

Adilson é um jogador brasileiro que veio para Portugal para jogar no Benfica de Castelo Branco. Como na altura o clube tinha excesso de estrangeiros, procurou outros ares. Veio para o distrito de Santarém, jogando no Ouriquense e Benfica do Ribatejo, antes de se fixar em Mação, onde é um médio ala esquerdo que marca muitos golos, e, por isso, muito acarinhado pelos adeptos do clube.

Edição de 02.02.2005 | Desporto
Joga sempre da mesma maneira num campo relvado ou num pelado?Para mim jogar na relva é bem melhor. Quem sabe jogar, tem técnica e gosta de futebol, prefere de certeza jogar na relva. Os pelados já não deviam existir. Ali não dá para jogar bem. Temos que nos habituar, mas não é fácil.Uma entrada mais dura de um adversário coloca-o em sentido?Não. Pelo contrário. Entendo que quando um adversário vem para a pancada é porque está com medo, e eu exploro essa situação. Encaro o adversário de frente e sempre que tenho a bola parto para cima dele, porque sei que assim mais tarde ou mais cedo, ele se excede e vai para a rua.Se não for titular fica aborrecido?Não fico aborrecido. Respeito a decisão do treinador. Mas de certeza que quando ele me colocar em jogo, entro com muita raiva, vou lutar muito para que ele volte a dar-me a titularidade.Já lhe aconteceu alguma coisa fora do vulgar durante um jogo?Já vi acontecerem algumas coisas estranhas. O ano passado o nosso guarda-redes veio fora da área defender com as mãos, cortou uma jogada de perigo do adversário e depois iniciou uma jogada de contra-ataque. Perante o espanto de toda a gente, o árbitro deixou seguir a jogada.Quando há confusão entre jogadores mete-se ao barulho?Não. Fico de lado e evito a confusão. Só lá vou se vir que algum colega se está a exceder e pode vir a ser expulso.Um jogador das provas distritais já ganha para fazer umas brincadeiras?Pode haver quem ganhe, eu não. Jogo por gostar de jogar futebol e vou fazê-lo enquanto me sentir bem.O que é pior: um árbitro que marca tudo ou o que não assinala nada?Para mim é o árbitro que marca tudo e não deixa jogar. Assim não há futebol. Parece mais uma escola de samba.Qual foi o jogo que lhe correu melhor?Foi um jogo entre o Ouriquense e o Alcaravela, porque marquei quatro golos. Foi uma alegria enorme, e é um jogo que retenho na memória.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...